SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – O treinador da seleção alemã, Joachim Löw, disse em entrevista coletiva neste sábado (16), que a sua equipe não fará, na Copa do Mundo da Rússia-2018, outra goleada como o 7 a 1 aplicado no Brasil nas semifinais do Mundial-2014. “Não vai se repetir”, declarou.

Ele afirmou que vencer na fase de semifinal de um torneio já é difícil e que golear é ainda mais. “Não vejo isso se transformando uma realidade. Ganhar de 7 a 1 nas semifinais diremos que está excluído. Ganhar nas semifinais já é um desafio. Ganhar é o importante.”

Para o técnico alemão, todas as equipes melhoraram de desempenho desde a última Copa do Mundo, especialmente a seleção brasileira.

“Sempre perguntam se esse time é melhor de 2014. Todos os times se desenvolvem mais. O Brasil é muito mais forte do que em 2014. França ficou melhor. Espanha, também, com melhor passes. Times de elite continuam se desenvolver sempre”, disse.