Para manter a motivação nas duas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro, após a conquista do título antecipado, os jogadores do Corinthians traçaram uma meta: fazer do centroavante Jô o primeiro corintiano a ser artilheiro da competição. Se houver um pênalti neste domingo, no jogo em que o time vai receber o troféu diante do Atlético Mineiro, às 17 horas, no estádio Itaquerão, em São Paulo, pela 37.ª rodada, por exemplo, o batedor será o camisa 7.

O desafio do técnico Fabio Carille é fazer com que essa meta seja alcançada de maneira natural, sem mudar a maneira de o time jogar. “Eu me lembro do que aconteceu com o Ronaldo, no início de sua passagem pelo Corinthians. Todos queriam passar a bola para ele e não tomavam a melhor decisão. Se acontecer um pênalti, ele (Jô) vai bater, mas as outras jogadas serão feitas naturalmente, com a referência do Jô”, disse.

Independentemente de mais um gol do artilheiro, a festa já está programada. Começou neste sábado, no treino aberto à torcida com milhares de torcedores no estádio Itaquerão. Os cerca de 45 mil ingressos estão esgotados desde a noite da última quarta-feira. Os patrocinadores mudaram as suas marcas, estampadas no uniforme, só para homenagear o campeão neste domingo, fazendo referências ao sétimo título.

Um mosaico será levantado nos dois andares do Setor Leste, haverá fumaça em volta do campo, tiras de plástico e fogos de artifício do lado externo do estádio. Todo o jogo será uma contagem regressiva até o momento em que o goleiro Cássio erguer a taça.

Para que a celebração seja completa, Fábio Carille quer vencer. “Queremos fazer um bom jogo para levantar a taça com uma vitória”, disse o treinador, que descartou escalar atletas que não vinham atuando. O meia Jadson será o substituto do atacante paraguaio Romero, que está suspenso. Já o lateral-esquerdo Guilherme Arana deverá fazer a sua última partida antes de se transferir para o Sevilla, da Espanha.

O zagueiro Pablo, que até sexta-feira estava confirmado no time titular, acabou ficando fora até da lista de relacionados para a partida deste domingo após o clube ter anunciado neste sábado que encerrou as negociações para a renovação do seu contrato. Assim, Pedro Henrique formará dupla de zaga com Balbuena.