O Comitê Olímpico Internacional (COI) se mostrou atento ao que ocorre no Rio de Janeiro, cidade que sediará os Jogos em 2016. Nesta quarta-feira, o COI informou que conversará com o Comitê Organizador da Olimpíada de 2016 e com o Comitê Olímpico do Brasil (COB) sobre o possível impacto das enchentes nos preparativos para os Jogos.

“Nós estamos em contato com o comitê organizador do Rio 2016 e com o comitê olímpico nacional brasileiro e vamos conversar com eles quando a situação tiver se normalizado sobre qualquer impacto que este evento possa ter nas suas operações”, afirmou o porta-voz do COI, Andrew Mitchell. A entidade, porém, afirma que “continua confiante que o Rio sediará Jogos de alta qualidade em 2016”.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse na terça-feira que o Brasil está preparado para sediar a Copa do Mundo em 2014 e a Olimpíada de 2016 “com muita tranquilidade”. “Não chove todo dia nem toda hora. Nem todo dia tem terremoto no Chile, no Haiti. Quando acontece uma desgraça, acontece”, afirmou Lula.