Recife – Um clima tenso cerca o jogo entre Santa Cruz e Grêmio, hoje, às 16h (de Brasília), no Estádio do Arruda, em Recife, pela segunda rodada do quadrangular final da Série B do Campeonato Brasileiro.

O Santa Cruz busca a reabilitação, enquanto o Grêmio quer somar ponto para sonhar em voltar à Série A.

O clima de guerra é resultado do mau tratamento recebido em Porto Alegre nos dois jogos anteriores. Esta será a quarta vez que os times se enfrentam nesta Série B.

A goleada na estréia desta fase sofrida para a Portuguesa, por 4 a 1, no Canindé, deixou

o time pernambucano com a obrigação de vencer. Terá a seu lado o apoio de cerca de 50 mil torcedores e defenderá uma invencibilidade de 32 jogos em casa. O último tropeço aconteceu na Série B de 2004, diante do Avaí, por 1 a 0.

Durante a semana, as especulações partiram dos dois lados, como uma possível pressão da torcida sobre os jogadores do time gaúcho, como repúdio ao que aconteceu com o Náutico, também de Recife, na primeira rodada, quando torcedores gremistas causaram tumulto em frente ao hotel em Porto Alegre.