Primeiro brasileiro campeão mundial de boxe olímpico, Everton Lopes confirmou o status de melhor do mundo na sua estreia no Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, nesta sexta-feira. O meio-médio ligeiro arrasou com o dominicano Ricardo Tejeda Garcia, vencendo por nocaute técnico no segundo assalto, depois da segunda queda do seu rival. O golpe decisivo, um direto de esquerda, acertou em cheio o peito do dominicano.

No momento do nocaute, Lopes já tinha ampla vantagem nos pontos sobre Garcia. No primeiro assalto, havia vencido por 6 a 3. O segundo round já era todo do brasileiro, com 4 a 0 para ele no placar. “A gente tem que mostrar que somos campeões mundiais. Agora é lutar como estou lutando e ir disposto ao ouro”, disse Lopes à TV Record.

Nas quartas de final da categoria até 64kg, Everton Lopes encara o porto-riquenho Antonio Ortiz, que ficou de bye na primeira rodada.

No sábado, outros três brasileiros fazem suas estreias: o ligeiro Robson da Conceição, o peso galo Robenilson de Jeus, o meio-médio Myke Carvalho e também Adriana Araújo, da categoria feminina até 60kg.