Acostumado a lutar pelas primeiras posições e com um título da Fórmula 1 no currículo (em 2009, na Brawn GP), Jenson Button está vivendo uma temporada para ser esquecida. Diante dos problemas do carro da McLaren, equipe que está muito abaixo das principais rivais, o piloto inglês ocupa apenas o 10º lugar no campeonato. Mesmo assim, ele garante que não pensa numa eventual troca, revelando que pretende continuar na mesma escuderia para a disputa da categoria em 2014.

“Se (a McLaren) fosse uma equipe que terminasse constantemente em quarto ou quinto lugar no campeonato, eu procuraria outro lugar. Nesse caso, analisaria uma das equipes na linha de frente, algum lugar que me desse um carro vencedor”, disse Button. “Mas esta não é uma equipe que termina em quarto ou quinto entre os construtores. É um ano ruim e, nos próximos anos, esta equipe vai lutar por títulos mundiais. Não estou olhando por aí, como algumas pessoas pensam.”

Contratado pela McLaren em 2010, logo após ser campeão da Fórmula 1, Button vive a sua pior temporada na equipe. Até agora, seu melhor resultado no ano foi o quinto lugar no GP da China. Assim, ele somou apenas 33 pontos, contra 157 do alemão Sebastian Vettel (Red Bull), que lidera o campeonato. E a situação não deve melhorar muito para o piloto inglês, porque a escuderia, diante da situação atual, já tratou de concentrar esforços no desenvolvimento do carro para o ano que vem.