Como era de se esperar o título de Campeão Sul-Americano da Classe Laser foi disputado até os últimos metros da regata final na cidade de Mar Del Plata. Foi um último dia cheio de expectativa, pois as condições estavam perfeitas com bastante vento, sol e muita onda para a decisão do campeonato mais importante das Américas. Entre os velejadores que almejavam a vitória tinham representantes do Brasil, Argentina, Itália, Uruguai, Venezuela, Colômbia, Guatemala, Equador, Chile, Trinad Tobago, Alemanha e Estados Unidos.

Foram três o velejadores que chegaram com chances de se tornar campeão, já que seriam realizadas a nona e décima regatas. Entre eles estavam o brasileiro Bruno Fontes, o italiano Diego Romero e o argentino Julio Alsogaray. Após o término da nona regata a decisão ficou mais emocionante, tendo em vista, que Fontes venceu a regata com Romero em segundo e Alsogaray em quinto. Com isso eles ficaram empatados em 14 pontos e quem vencesse a décima e última regata se tornaria o campeão.

Foi uma decisão digna de um grande evento, pois em 50 minutos de regata a tensão entre os técnicos, expectadores e velejadores era enorme, onde os três velejadores se alternaram na liderança a todo instante desde a largada em cada variação de vento e onda surfada. No término da regata os três chegaram juntos num través de muita velocidade com Julio na frente, seguido de Diego e Bruno. Esta classificação daria o título ao argentino, porém durante a regata houve incidentes que geraram protestos. Com isso a decisão final coube aos juízes e após duas horas de julgamento desqualificaram Alsogaray da regata passando assim o título do campeonato ao italiano e ao brasileiro o segundo lugar.

?Foi um grande evento mesmo perdendo na última regata, quer dizer nos metros finais, o título de campeão. Foi uma competição onde comprovei minha forma física e técnica, além do meu poder de recuperação, já que estava praticamente fora da disputa e após vencer regatas em seqüência voltei para briga?, salientou Bruno patrocinado pela Unimed, Eletrosul, Golden Air e Brasil Telecom.

Agora o Fontes segue direto para João Pessoa em busca do bi-campeonato brasileiro de 15 a 20 de janeiro.