Em um jogo nervoso, com direito a expulsões e bate-boca, a seleção brasileira venceu a Itália neste domingo, no Maracanãzinho. Com o triunfo por 3 a 0, a equipe se aproxima da semifinal do Mundial de Futsal.

Desta forma, o Brasil mantém os 100% de aproveitamento no torneio e lidera o Grupo E com seis pontos ganhos. Os italianos ficam no segundo lugar, com três. Os dois times voltam à quadra às 10h30 da próxima terça-feira. No Rio de Janeiro, o Brasil enfrenta a Ucrânia. Em Brasília, a Itália duela com o Irã.

O primeiro gol do time de amarelo saiu aos 11min do primeiro tempo. Em cobrança de lateral do lado esquerdo, Marquinho cruzou para Schumacher completar. A seleção brasileira aumentou a vantagem dois minutos depois, quando Lenísio tabelou com Wilde e recebeu livre para completar com o gol vazio.

Com apenas 12min de jogo, a Itália cometeu sua sexta falta. O Brasil teve dois tiros livres no primeiro tempo, mas Vinícius e Ari desperdiçaram as cobranças. A partida seguiu nervosa e teve confusão no intervalo. Na saída para os vestiários, houve discussão e bate-boca. Forte e Betão terminaram expulsos. O entrevero seria resultado de lances de efeito de Falcão.

Apesar da confusão, o camisa 12 manteve seu estilo na etapa complementar. Aos 9min, ele partiu para cima da marcação e bateu. Ari pegou a sobra e fechou o placar.