O primeiro dia de competições da etapa da Croácia da Copa do Mundo de Ginástica Artística, em Osijek, terminou com bons resultados de Caio Souza e Thauany Araújo. Os dois foram os únicos brasileiros a se classificarem para as finais de seus respectivos aparelhos. Agora, terão a chance de lutar por medalhas neste fim de semana.

Caio Souza se destacou nas paralelas, ao garantir vaga para a final com 15.000 pontos, pouco atrás do primeiro colocado Ashley Watson, da Grã-Bretanha. Já Thauany Araújo ficou mais distante das primeiras colocações, terminou em oitavo, com 12.700, mas foi o suficiente para se classificar.

“Nós viemos para essa Copa do Mundo com o intuito de melhorarmos ainda mais para o Mundial e trouxemos quatro ginastas que fazem parte da base da seleção”, declarou um dos técnicos da equipe brasileira masculina, Marcos Goto, já mirando o Mundial que acontece em Glasgow, em outubro.

Quem também entrou em cena nesta quinta foi Arthur Zanetti, não nas argolas, sua especialidade, mas no solo. O brasileiro, que cobiçava um lugar no Mundial neste aparelho, não foi bem, terminou somente em 14.º, com 14.400 pontos, e parou nas eliminatórias. Assim como Arthur Nory Mariano, que somou 14.550 pontos e foi o décimo.

Nory, aliás, também parou pelo caminho no cavalo com alças, no qual foi novamente o décimo, com 14,250 pontos, bem à frente de Lucas Bitencourt, 28.º, com 12,700. No feminino, Jade Barbosa decepcionou nas barras assimétricas, ao cravar 11,700 e parar na 17.ª posição.