Foz do Iguaçu recebeu nos últimos dias o Campeonato Mundial de Rafting R4 nas categorias Youth (sub-19) e Júnior (sub-23). E o Brasil teve amplo domínio, vencendo três das quatro categorias disputadas: sub-19 e sub-23 masculinas e sub-23 feminina.

“Fizemos o dever de casa. Nossas equipes são formadas por atletas que amam o rafting e o este amor foi traduzido em resultados”, comentou Rebeca Fernandes, supervisora do comitê de Rafting da Confederação Brasileira de Canoagem.

Um campeonato de rafting consiste em quatro provas somando 1.000 pontos. No primeiro dia, acontecem duas provas: sprint, valendo 100 pontos; e “head to head” valendo 200 pontos. No segundo dia é disputada a prova de slalom, valendo 300 pontos, e no terceiro dia a prova de descida, com maior peso na pontuação, valendo 400 pontos. O vencedor é aquele que acumular a maior quantidade de pontos na soma das quatro provas.

Domingo foi o último dia do Mundial, e a prova de descida foi disputada nas Cataratas do Iguaçu sob forte calor – a temperatura superou trinta graus durante toda a etapa. Na categoria sub-19 masculino, o Brasil ficou em primeiro com o tempo de 13:24:68, seguido pelos russos e argentinos. No sub-19 feminino, a Rússia levou a melhor com o tempo de 14:13:65, superando australianas e brasileiras.

Já pelo sub-23 feminino as japonesas fizeram bonito com o tempo de 14:29:47 e deixaram para trás Brasil e Nova Zelândia. “Achávamos que não pegaríamos pódio, mas acabamos em segundo lugar”, comenta a brasileira Luana Robes. No masculino a Eslováquia fez o melhor tempo do dia descendo as corredeiras do rio Iguaçu em 13:02:06, seguida por brasileiros e japoneses.

Após as quatro provas, a classificação final foi a seguinte: no sub-19 feminino vitória da Austrália com 877 pontos, seguido pela Rússia e pelo Brasil 860; no masculino, título brasileiro com mil pontos, com Rússia em segundo e Eslováquia na terceira posição; o sub-23 feminino teve o Brasil em primeiro com 916 pontos, seguido por República Tcheca e Japão; e o masculino teve Brasil, Eslovênia e Japão no pódio.

Tem mais

Depois das disputas das categorias iniciantes, Foz do Iguaçu terá mais uma semana com a presença dos principais canoístas do mundo. De quinta até o domingo acontece Mundial de Rafting nas categorias Open (Sênior) e Master.