O Botafogo é o campeão da quarta edição do Torneio do Interior do Campeonato Paulista. Em um jogo dramático, o time de Ribeirão Preto venceu o São Caetano, por 1 a 0, na noite deste sábado, no Estádio Santa Cruz e faturou o título.

Com a vantagem de jogar pelo empate na soma dos resultados, por ter a melhor campanha, o time da casa devolveu o placar do primeiro jogo e ficou com o troféu, graças ao gol do lateral-direito Jonas aos 29 minutos do segundo tempo. Além de levantar a taça de melhor clube do Interior, o Botafogo garante também uma premiação de R$ 250 mil.

Em quatro edições do realizadas neste formato, até agora, o Torneio do Interior teve quatro campeões diferentes. Já conquistaram o troféu: Guaratinguetá, em 2007; Barueri [atual Prudente], em 2008, e Ponte Preta, em 2009.

Agora, o Botafogo deve entrar em recesso provavelmente até junho. Isso porque o time disputará a Série D do Brasileiro, que tem início previsto para 18 de julho. Por outro lado, o time do ABC paulista já volta suas atenções para a Série B, onde estreia contra o Figueirense, no próximo sábado, em São Caetano do Sul.

O São Caetano entrou em campo disposto a jogar com o regulamento embaixo do braço. Com a vantagem do empate em mãos, o time do ABC preferiu não se expor. Atuou a maior parte do tempo exercendo uma forte marcação, saindo apenas nos contra-ataques.

A tática foi eficiente até a primeira metade do segundo tempo. Com o final do jogo se aproximando, o Botafogo aproveitou o recuo do adversário para pressionar. Embora tenha chegado a ficar com três atacantes em campo, Malaquias, Willian e André Neles, quem decidiu o jogo foi o lateral-direito Jonas.

Aos 29 minutos, o ala Andrezinho, que atuara como meia até a saída de Jackson, cruzou da esquerda. Jonas apareceu como elemento surpresa na segunda trave e cabeceou no ângulo, sem chances para o goleiro Luiz.

Ficha Técnica:

Botafogo 1 x 0 São Caetano

Botafogo – Weverton; Cleiton, Freire e Rodrigo Pontes; Jonas, Augusto Recife, Andrezinho, João Henrique (Washington) e Jackson (André Neles); Willian (Walter) e Malaquias. Técnico: José Galli Neto.

São Caetano – Luiz; Arthur, Marcelo Batatais, Anderson Marques e Bruno Recife; Jairo, Moradei, Fernandes e Everton Ribeiro; Hugo (Eduardo) e Fábio (Matheus). Técnico: Roberto Fonseca.

Gol – Jonas, aos 29 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos – Jonas, João Henrique, Malaquias, Freire (Botafogo); Arthur e Anderson Marques (São Caetano).

Árbitro – Antônio Rogério Batista do Prado.

Renda e público – Não divulgados.

Local – Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP).