O técnico Oswaldo de Oliveira aposta na melhor campanha do Botafogo e na qualidade de sua equipe para derrotar o Coritiba, neste domingo, às 17 horas, no estádio Couto Pereira, em Curitiba, pela 37.ª e penúltima rodada do Campeonato Brasileiro. Além disso, o time alvinegro quer os três pontos para dedicá-los a Nilton Santos, que morreu na última quarta-feira, no Rio de Janeiro.

Embora o adversário esteja em uma luta bastante incômoda contra o rebaixamento no Brasileirão e, por isso, tentará a vitória a todo custo, Oswaldo de Oliveira deseja ver seu time atuando no ataque, sem deixar que o Coritiba exerça uma pressão inicial.

Ou seja, o Botafogo vai atacar o Coritiba como se estivesse atuando no Rio de Janeiro. Assim, Oswaldo de Oliveira sinaliza que Seedorf, Rafael Marques e companhia podem definir a partida. O time também tem muito interesse no jogo. Está brigando por uma vaga na Copa Libertadores do ano que vem e, para isso, tem de lutar para chegar entre os três ou quatro primeiros do campeonato.

Nas conversas com o grupo nos últimos dias, Oswaldo de Oliveira falou bastante sobre a importância de um resultado favorável para que a equipe possa assim prestar, em campo, uma homenagem a Nilton Santos. O bicampeão mundial (Copas do Mundo de 1958 e 1962) atuou nas décadas de 40, 50 e 60 pelo Botafogo, que foi seu único clube em toda a carreira profissional.

Os jogadores abraçaram a ideia. O lateral-esquerdo Julio Cesar enfatizou que dedicação não faltará para que o Botafogo obtenha uma vitória sobre o Coritiba e assim deixe a sua homenagem a Nilton Santos.