O técnico do Boca Juniors, Miguel Angel Russo, não fez mistério em relação ao time que enfrentará o Grêmio na quarta-feira, em Buenos Aires, pela primeira partida da final da Libertadores. Ele confirmou que os 11 titulares que bateram o Cúcuta, por 3 a 0, no jogo de volta das semifinais, iniciam a decisão do título.

"O Boca chega em bom momento a esta final, em que não há margem para erro", disse Russo, após o treino desta segunda-feira (11). A baixa do dia foi o meia Riquelme. Ele se recupera de uma gripe, mas está confirmado para a partida de quarta.

"É uma final da Libertadores. Não podemos nos atrapalhar se o adversário jogar no contra-ataque", alertou o treinador. "O Boca entrará em campo para buscar um resultado positivo e o rival saberá o que terá de fazer. Jogamos em casa e por isso temos de buscar a vitória e tratar de conseguir o melhor resultado possível.