O brasileiro Thomaz Bellucci estreou com vitória no Masters 1000 de Montreal. Nesta segunda-feira, o número 1 do Brasil derrotou o casaque Andrey Golubev por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 7/6 (8/6), em 1h47min, e avançou à segunda rodada.

Foi sua primeira vitória no piso rápido do Masters disputado no Canadá, que serve de preparação para o US Open, último Grand Slam do ano. Na sequência, ele terá pela frente o vencedor do duelo envolvendo o francês Richard Gasquet e o alemão Florian Mayer. A partida deverá ser disputada somente na quarta-feira.

Favorito, Bellucci aproveitou a má fase de Golubev para se impor na partida sem maiores sobressaltos. O casaque vinha de 12 derrotas seguidas no circuito da ATP – uma das derrotas foi imposta pelo próprio brasileiro, na primeira rodada de Roland Garros. A última vitória de Golubev aconteceu no Masters de Indian Wells, em março.

Abatido pelos maus resultados na elite do tênis, Golubev pouco ameaçou Bellucci. Nem seu bom saque atrapalhou a vitória do brasileiro, que mostrou maior eficiência no fundamento. Ele cravou 11 aces, contra apenas três do adversário. Golubev ainda registrou sete duplas faltas.

Bellucci só teve maior trabalho nos games finais do segundo set. Chegou a perder o set no 11º game, mas devolveu a quebra logo na sequência e levou o duelo para o tie-break, quando foi soberano. Fechou o jogo no seu quarto match point.

A rodada de abertura do Masters de Montreal contou com uma vitória contundente do suíço Stanislas Wawrinka sobre o argentino David Nalbandian por 2 sets a 0, com parciais de 6/1 e 6/4, em apenas 1h09min. Atual número 51 do mundo, Nalbandian tenta se restabelecer no circuito, enquanto se prepara para o US Open, no final do mês.

Além de Wawrinka, também venceram nesta segunda o americano Alex Bogomolov Jr., o ucraniano Alexandr Dolgopolov, o letão Ernests Gulbis, o croata Ivo Karlovic e o sul-africano Kevin Anderson, que será o adversário de estreia do escocês Andy Murray, número quatro do mundo.