O carinho de David Beckham pelo Manchester United ainda permanece firme. Nesta segunda-feira, o jogador do Milan garantiu que não irá comemorar um possível gol contra sua ex-equipe, na terça, em confronto válido pelas oitavas de final da Liga dos Campeões.

“Se eu marcar um gol amanhã (terça-feira) contra o Manchester United, não vou comemorar porque tenho um grande respeito pelos torcedores da equipe e pelo Ferguson”, garantiu Beckham, revelando ter grande carinho pelo antigo treinador. “Nos meus anos no Manchester, tive momentos muito bons e outros não, mas para mim Ferguson foi como um pai”.

Ansioso para o reencontro, Beckham elogiou o adversário e enalteceu o atacante Rooney. “O United é uma grande equipe que possui jogadores fortes e que sabe manter a posse de bola. Rooney é um jogador chave deste grupo”, avaliou.

Para o jogador inglês, o confronto desta terça-feira será realmente emocionante. “Nestes sete anos que deixei o Manchester United, o jogo de amanhã será o primeiro que reencontro a equipe de Ferguson como adversária. Com certeza será uma partida muito emocionante para mim”, completou.