O atacante Barcos voltou a reclamar do esquema que o Palmeiras joga. Após a derrota para o Grêmio no domingo (1 a 0 em Porto Alegre, pelo Campeonato Brasileiro), o argentino já havia lamentado por estar atuando bastante isolado no ataque alviverde e repetiu o discurso após o treino desta quarta-feira pela manhã.

De acordo com o atleta, o time deve melhorar o posicionamento em campo para que ele também tenha um melhor rendimento. E lembrou que, quando chegou ao clube, tinha mais jogadores o ajudando no ataque.

“Antes a gente chegava na frente com muita gente e tinha mais apoio. Hoje, quando pego a bola, estou longe dos demais e fica mais difícil”, afirmou. “Também estamos trabalhando nisso, para que outros companheiros se aproximem, senão as chances de gol vão ser raras.”

O atacante que marcou 11 gols pelo Palmeiras aprovou o treino matutino realizado por Felipão na última terça-feira, que durou quase duas horas, e afirmou que novas atividades deste tipo seriam importantes para a equipe. “Fizemos o trabalho um pouco longo, mas creio que foi bom. Nós trabalhamos as definições das jogadas e a maneira que temos de chegar (no ataque) também. Foi fundamental fazer isso.”

O próximo jogo do Palmeiras será apenas no dia 6 de junho, contra o Sport, pelo Campeonato Brasileiro. Já o primeiro desafio mais importante diante o Grêmio, na semifinal da Copa do Brasil, está marcado para o dia 13, em Porto Alegre. O duelo de volta será no dia 21, às 21 horas, na Arena Barueri.