Depois de virar um jogo praticamente perdido em sua estreia nesta edição de Roland Garros, a bielo-russa Victoria Azarenka não teve nenhuma dificuldade para vencer a alemã Dinah Pfizenmaier por 2 sets a 0, com duplo 6/1, nesta quarta-feira, e garantir vaga na terceira rodada do Grand Slam francês.

Cabeça de chave número 1 em Paris, Azarenka precisou de apenas 55 minutos em quadra para confirmar o seu favoritismo diante de uma tenista que saiu do qualifying e na primeira rodada eliminou a francesa Caroline Garcia por 2 sets a 1.

Com o triunfo tranquilo sobre Pfizenmaier, a líder do ranking mundial terá pela frente na terceira rodada a canadense Aleksandra Wozniak, que nesta quarta derrotou a chinesa Jie Zhang, 31.ª cabeça de chave, por 2 sets a 0 (6/2 e 6/4).

Para assegurar lugar na terceira rodada, Azarenka desta vez se mostrou bem mais eficiente do que na sua estreia. Com 83% de aproveitamento dos pontos que disputou quando utilizou o seu primeiro serviço, ela ainda converteu cinco de sete break points para encaminhar a vitória de forma rápida. Já Pfizenmaier não conseguiu aproveitar nenhuma das duas chances que teve de quebrar o saque da bielo-russa e cometeu 29 erros não-forçados, contra apenas 11 de sua rival.

Na primeira rodada em Paris, Azarenka tomou um susto ao perder o primeiro set por 7/6 da italiana Alberta Brianti e depois chegar a estar perdendo por 4 a 0 na segunda parcial, mas conseguiu uma reação fulminante para fazer 6/4 e 6/2 para se manter viva no Grand Slam.

Outra tenista de destaque que já garantiu vaga na terceira rodada nesta quarta-feira foi a australiana Samantha Stosur. Sexta cabeça de chave, ela venceu a norte-americana Irina Falconi por 2 sets a 0, com 6/1 e 6/4, se credenciando para enfrentar na próxima fase a russa Nadia Petrova, que aplicou duplo 6/3 sobre a sul-africana Chanelle Scheepers em outro jogo do dia.

Já a eslovaca Dominika Cibulkova, 15.ª cabeça de chave, assegurou lugar na terceira rodada nesta quarta ao arrasar a norte-americana Vania King com parciais 6/0 e 6/2, enquanto a italiana Sara Errani também foi à próxima fase ao superar Melanie Oudin, outra tenista dos Estados Unidos, por 6/2 e 6/3. Outra tenista já garantida na terceira fase é a espanhola Anabel Medina Garrigues, que acaba de passar pela francesa Irena Pavlovic com parciais de 6/3 e 6/2.