O lateral-esquerdo Pará, apesar de ter 20 anos, coleciona passagens por Bahia, clube qual foi revelado, Cruzeiro e também pela Seleção Brasileira de base. De poucas palavras, o jogador vai disputar uma vaga no time titular atleticano com Sidcley e Roberto, que disputaram o último Campeonato Brasileiro. O novo camisa 6 do Furacão parece ter comprado a ideia da diretoria e fala em conquistar títulos pelo Rubro-Negro.

“Estou muito feliz de estar aqui, é um clube grande, com uma estrutura inexplicável. Vou procurar fazer minha parte e procurar títulos em um clube vencedor, que é o Atlético. Vou procurar fazer meu trabalho e buscar vitórias para este clube e para esta grande torcida, que é do Atlético”, apontou Pará.

Carência

A lateral-esquerda, inclusive, é um setor que foi carente durante a temporada de 2015. Depois da saída de Natanael, nenhum jogador conseguiu ter uma boa sequência na posição. Pará prevê uma disputa boa pela vaga de titular do time atleticano. “Será uma disputa sadia, mas eu vim para o Atlético para ser titular, sempre respeitando meus companheiros. Vou treinar bastante, trabalhar forte e conseguir a titularidade”, finalizou Pará.

De saída

O atacante Edigar Junio que, depois que voltou do Joinville, no final de 2014, não se firmou pelo Atlético, vai defender o Bahia na temporada de 2016. O centroavante, que pertence o Furacão foi apresentado ontem a tarde pelo tricolor de aço e assinou contrato de empréstimo por uma temporada.

No ano passado Edigar Júnio já estava sem espaço no Rubro-Negro, tanto que novamente havia sido emprestado ao Joinville, onde foi rebaixado para a Série B.