O meia Marcos Guilherme pode estar de saída do Atlético. O jogador, cria da base do Furacão está sendo observado pelo Santos e teve sua contratação pedida pelo técnico Dorival Júnior. Na semana que vem, está prevista uma reunião entre o presidente do Peixe, Modesto Roma Júnior, e o presidente do conselho deliberativo do Rubro-Negro, Mario Celso Petraglia. Mas as duas partes já iniciaram conversas.

A negociação, no entanto, é um pouco complicada. Embora seja reserva do time do técnico Paulo Autuori, Marcos Guilherme renovou contrato com o Atlético no ano passado até 2019 e teve um aumento no salário, o que também valoriza o valor de uma possível transferência. Por outro lado, o meia não vem repetindo as boas atuações do começo da carreira, que, inclusive, o levou a ser convocado para as categorias de base, onde foi um dos destaques do Brasil no vice-campeonato mundial sub-20 em 2015, e vem sendo muito cobrado pela torcida.

O objetivo do Santos é comprá-lo em definitivo, mas o clube não descarta um empréstimo com valor fixado, oferta que dificilmente seria aceita pelo Furacão. Aos 20 anos, Marcos Guilherme fez 23 jogos em 2016 e marcou apenas três gols.