Com apenas quatro pontos conquistados e na zona de rebaixamento, o Atlético recebe o Santa Cruz neste sábado (4), às 16h, na Arena da Baixada, sabendo que a vitória é fundamental, tanto para um melhor posicionamento na tabela, mas também para provar nos resultados que as boas atuações podem surtir efeito.

No entanto, o técnico Paulo Autuori não se mostra preocupado com a pressão que o time pode vir a sofrer – e que já está sofrendo – em caso de um novo tropeço. Para o treinador, mesmo que o Furacão fosse o líder, as cobranças surgiriam da mesma forma.

“É vulgar dentro do futebol. Estando em cima na tabela, ou embaixo, você é pressionado a ganhar da mesma maneira. Nós temos o sentimento de que as coisas tendem a acontecer. O importante é o resultado e isso é responsabilidade minha”, afirmou ele.

Mesmo assim, o comandante atleticano sabe da necessidade de voltar a ganhar, principalmente em casa, e destacou que para isto acontecer será preciso resolver os erros de finalização que tanto vem atrapalhando o Rubro-Negro.

“Nos três últimos jogos, tivemos oportunidades suficiente para ganhar, mas nisso falhamos e temos que ser mais eficazes. As oportunidades apareceram e poderíamos ter vencido até por melhores placares. Mas eu não vi qualquer diferença de futebol entre o primeiro colocado e nós”, apontou Autuori.

Para melhorar esta pontaria e vencer, o treinador vai com força máxima para campo contra o Santa Cruz. Se na derrota por 1×0 para o Internacional, na última quarta-feira (1) o setor ofensivo foi poupado, agora a tendência é que todos retornem. Assim, Exandro, Vinícius, Nikão e André Lima recuperam as posições.

Mas, na defesa, o técnico tem dois problemas. Na lateral-direita Eduardo cumpre suspensão e dará lugar a Léo, enquanto na zaga, com Cléberson com fraturas no rosto, será substituído por Wanderson.

FICHA TÉCNICA

BRASILEIRÃO
1º Turno – 6ª Rodada

ATLÉTICO X SANTA CRUZ

Atlético
Weverton; Léo, Thiago Heleno, Wanderson e Sidcley; Deivid, Otávio, Nikão, Vinícius e Ewandro; André Lima.
Técnico: Paulo Autuori

Santa Cruz
Tiago Cardoso; Léo Moura, Neris, Danny Morais e Tiago Costa; Uillian Correia, João Paulo e Lelê; Arthur (Everaldo), Keno (Wallyson) e Grafite.
Técnico: Milton Mendes

Local: Arena da Baixada
Horário: 16h
Árbitro: Wagner Reway (MT)
Assistentes: Eduardo Gonçalves da Cruz (MS) e Fábio Rodrigo Rubinho (MT)