Enfim o Atlético oficializou a contratação de Rui Costa para assumir o departamento de futebol do clube. Sem ninguém neste posto desde a saída de Paulo Autuori no final do ano passado, o novo cartola vem de experiências no Grêmio e na Chapecoense, e agora será o responsável pelo dia a dia do Rubro-Negro. A vinda dele era sabida desde o início da semana passada.

Rui Costa deixou a Chape no início deste mês. Ele teve problemas com integrantes da comissão técnica e saiu do clube catarinense junto do técnico Gílson Kleina. Ele ficou por lá mais de um ano, sendo o responsável pela remontagem do elenco após o trágico acidente em 2016. Esse trabalho projetou o nome do profissional, e é um dos motivos da contratação dele pelo Furacão.

Confira a tabela e a classificação do Campeonato Brasileiro!

Além disso, o Rubro-Negro precisava de um dirigente para estar mais perto do técnico Tiago Nunes. No início do ano, o futebol atleticano era gerido diretamente por Mário Celso Petraglia e Fernando Diniz, que acumulava os cargos de técnico e coordenador. Após a saída de Diniz e o afastamento de Petraglia, o vice-presidente Márcio Lara era o mais próximo do departamento, que agora passa a ter um responsável.

Leia a nota de confirmação do Atlético:

Rui Costa dos Santos, 47 anos, é o novo diretor de futebol do Clube Atlético Paranaense. O profissional iniciou seus trabalhos na manhã desta quinta-feira (30), no Centro Administrativo e Técnico Alfredo Gottardi. 
Formado em Direito, Rui Costa iniciou sua carreira no Grêmio, de Porto Alegre. De novembro de 2012 a maio de 2016, trabalhou como diretor de futebol do clube gaúcho. Antes, Rui havia sido diretor jurídico do próprio Grêmio. Durante a sua gestão, o clube alcançou duas vagas para a Libertadores e foi vice-campeão do Brasileirão em 2013.
Em dezembro de 2016, Rui Costa assumiu a missão de ajudar a reconstruir a Chapecoense. No clube, foi campeão catarinense em 2017, além de ter alcançado a histórica vaga para a Copa Libertadores. Ficou na Chapecoense até agosto deste ano.