Após dividir as atenções no início do Campeonato Brasileiro com a Copa Libertadores e com a Copa do Brasil, o Atlético Paranaense vem focando na competição nacional e o resultado já são duas vitórias seguidas e o começo da recuperação. O time, contudo, segue na zona de rebaixamento, situação que pode mudar nesta quarta-feira se vencer o São Paulo, às 21h45, na Arena da Baixada, em Curitiba, pela nona rodada.

“A nova etapa é de afirmação, vencer em casa e subir na tabela”, avisou o técnico Eduardo Baptista. Como motivação extra, o Atlético Paranaense conta com o bom retrospecto contra o rival paulista. Em 15 jogos contra o São Paulo na Arena da Baixada pelo Brasileirão, venceu 11 e empatou quatro. Ou seja, nunca perdeu em casa para o adversário na competição, desde 1999.

Eduardo Baptista, contudo, evita se apegar aos números. “O Rogério Ceni tem implantado uma filosofia diferente. Temos que estar atentos a isso, saber marcar, saber explorar as deficiências e buscar fazer um bom jogo para vencermos em casa, que nesse momento é o que importa”, disse o treinador, pedindo cautela ao seu time.

Preocupado com o rival, Eduardo Baptista fez mistério no último treino da equipe, nesta terça-feira, e só confirmou a zaga, com Wanderson e Thiago Heleno – Paulo André ainda se recupera de lesão. Na lateral esquerda, ele fez questão de manter a indefinição. “A dupla de zaga será Wanderson e Thiago (Heleno). Manteremos. O Sidcley foi bem na frente, fez gol. Mas ele é importante atrás, na lateral esquerda. Temos que pesar tudo isso para montar a melhor equipe”, desconversou.

O suspense quanto ao lado esquerdo não é por acaso. Sidcley poderia atuar na lateral ou no meio e, dependendo da escolha, outras alterações aconteceriam no meio e na defesa. Se ele for escalado na lateral, o argentino Lucho González será titular e jogará no meio de campo. Com Sidcley no meio, Lucho sai do time e Nicolas joga na defesa.

O restante da equipe deverá ser o mesmo que venceu o Atlético Goianiense, no último sábado, em Goiânia, pela oitava rodada. Com oito pontos, o Atlético Paranaense ocupa o 18.º e antepenúltimo lugar da tabela de classificação, dentro da zona da degola.