Belo Horizonte – O Atlético-MG venceu o Vasco, por 2 a 1, ontem, no Estádio Independência, e manteve-se na quinta colocação, agora com 57 pontos, após a 34.ª rodada do campeonato brasileiro. Os gols foram marcados por Fábio Júnior e Alex Alves para o time mineiro, e Rodrigo Souto para os cariocas. O Vasco permanece com 43 pontos. Na próxima rodada, o Atlético-MG pega o Figueirense, em Santa Catarina. O time carioca recebe o Juventude, em São Januário.

Precisando da vitória para continuar sonhando com uma das vagas à Libertadores, o Atlético-MG tentou sufocar o Vasco no início da partida, iniciando as jogadas pela lateral direita, com Cicinho, que buscava as conclusões de Fábio Júnior e Alex Alves.

Apesar de começar o jogo com apenas um jogador no ataque, o time vascaíno aproveitava para chegar ao gol adversário nos contra-ataques, puxados pelo jovem armador Morais.

E o primeiro gol atleticano saiu justamente de uma jogada que saiu da direita com Cicinho. Aos 18 minutos, o lateral foi à linha de fundo, passou pelo seu adversário e cruzou para dentro da pequena área. A bola encontrou o atacante Alex Alves que, sem marcação, apenas teve o trabalho de completar de cabeça para fazer 1 a 0 para o Atlético.

Os jogadores do Vasco, no intervalo da partida, reclamaram com a arbitragem posição irregular do atacante atleticano no lance do gol.

Na etapa final, o Atlético voltou no mesmo embalo do primeiro tempo. No Vasco, o técnico Mauro Galvão substituiu Morais por Alan. A substituição não mudou a postura vascaína e, logo aos 4 minutos, o time mineiro chegou ao seu segundo gol. Depois de receber um passe de Lúcio Flávio, Alex Alves lançou na área. O atacante Fábio Júnior dominou no peito e, na saída do goleiro, fez 2 a 0, tocando levemente no canto.

Nervosos em campo, os jogadores do Vasco passaram a cometer muitas faltas. Em uma delas, aos 19 minutos, o zagueiro Fabiano desferiu uma cotovelada em Juninho e foi expulso pelo árbitro paulista Rodrigo Martins Cintra.

Mesmo com um jogador a menos no jogo, o time carioca diminuiu o placar em uma cobrança de pênalti sofrido por Beto. Aos 32 minutos, Rodrigo Souto, que entrou no segundo tempo, cobrou e diminuiu para o Vasco, dando números finais à partida.

Ficha técnica

Gols: Alex Alves aos 18 minutos do primeiro tempo; Fábio Júnior aos 4 e Rodrigo Souto aos 32 minutos do segundo tempo.

Atlético-MG: Velloso; Cicinho, Scheidt, Luiz Alberto e Marquinhos; Hélcio, Ferrugem (Tucho), Juninho (Márcio Araújo) e Lúcio Flavio; Alex Alves (Quirino) e Fábio Júnior. Técnico: Marcelo Oliveira.

Vasco: Fábio; Alex Silva, Henrique, Fabiano e Edinho; Coutinho, Igor, Beto e Morais (Allan); Danilo (Alex) e Régis (Rodrigo Souto). Técnico: Mauro Galvão.

Público: 12.721 pagantes. Renda: R$ 92.731,00.