O Atlético continua hoje, em Varginha-MG, sua saga de percorrer um cenário que desde 1996 estava longe da realidade rubro-negra. Com as credenciais de grande favorito ao título da Série B do Campeonato Brasileiro, às 21h50, o Furacão encara o Boa Esporte, no estádio Dilzon Melo, também conhecido como Melão ou Gigante do Sion.

Esses são apenas alguns dos novos nomes que o torcedor atleticano irá acompanhar na atual trajetória rubro-negra. Na estreia, vitória contra o Joinville, em Santa Catarina, adversário que há tempos não passava pelo caminho do Furacão. Na próxima viagem, o adversário será o CRB, em Alagoas. Nomes incomuns para um clube que há mais de uma década e meia se acostumou com as passagens pelos principais centros do futebol brasileiro.

Para jogadores como o volante Deivid, que chegou a ser um dos poucos nomes que conseguiram se destacar na equipe que disputou a Série A do ano passado, é necessário encarar a situação com seriedade. “Sabemos que temos que passar por isso. Independente[mente] de campo, onde for, temos que ser o mesmo Atlético de sempre. É um novo trabalho a se encarar. Todo mundo aqui jogou em campos grandes e melhores, mas também jogou nos piores. Sabemos que vamos pegar campo bom e ruim”, destacou.

Na noite de ontem, após passar o dia concentrado no hotel com o elenco rubro-negro, o técnico Juan Ramon Carrasco promoveu um treinamento com a equipe em um clube social de Varginha – cidade nacionalmente conhecida por supostas visitas de extraterrestres. Entre os trabalhos, foram realizados treinos de finalizações, jogadas de bola parada e posicionamento de atletas, com o comandante chegando a interromper parte do trabalho para melhor orientar os jogadores atleticanos.

Entre os desfalques estão o meio-campo Paulo Baier e o atacante Guerrón. Ambos foram poupados e nem chegaram a viajar com a delegação atleticana até Varginha. Como novidades, porém, a possibilidade de estreia do atacante Thiago Adam, uma das revelações do Campeonato Paranaense 2012 vestindo a camisa do Arapongas. Outro nome que pode surgir na frente é Edigar Junio. Harrison, no meio-campo, é provável que possa aparecer também.