O Atlético perdeu uma boa oportunidade entrar no G4 do Campeonato Brasileiro. Diante do São Paulo, na noite desta quinta-feira (15), o Furacão ficou no empate em 1 a 1, no Estádio Morumbi. Rodrigo Caio abriu o placar para o time da casa e Paulo Baier, de pênalti, deixou tudo igual.

O jogo

Embalado por seis jogos de invencibilidade, o Atlético buscava aproveitar o péssimo momento do São Paulo, que não vencia há dez jogos, para entrar no G4 do Campeonato Brasileiro.

Com boa movimentação, os dois times fizeram uma boa partida no primeiro tempo. O time da casa abriu o placar em um lance polêmico. Aos 16 minutos, Jádson cobrou falta, Rodrigo Caio desviou e saiu para o abraço.

O Furacão pediu impedimento do atacante Aloísio no lance. A arbitragem alegou que o jogador não participou da jogada. Apesar do gol sofrido, o Rubro-Negro continuou bem em campo. Aos 37min, após o atacante Marcelo sofrer pênalti, Paulo Baier cobrou e empatou o duelo.

A etapa final foi de equilíbrio. Aparentando nervosismo, o São Paulo tinha dificuldades para levar perigo ao goleiro Wéverton, que pouco trabalhou. O Atlético aproveitava os contra-ataques, e chegou a assustar em uma forte finalização de Éderson, que parou no goleiro Rogério Ceni.

Com isso, as equipes ficaram mesmo no empate, resultado que acaba deixando o Furacão na sétima colocação e mantendo o Tricolor na zona do rebaixamento.

Na próxima rodada, o Rubro-Negro enfrenta o Criciúma, domingo, às 18h30, na Vila Capanema.