Foto: Valquir Aureliano

Evandro ganhou a posição no time titular e é a novidade para hoje.

O Atlético inicia hoje, contra o Engenheiro Beltrão, uma seqüência de quatro jogos em Curitiba, na reta final da primeira fase do Paranaense. Jogando com o time titular, o Furacão encara uma vitória na partida desta tarde, às 16h na Baixada, como obrigação.

Em sexto lugar, com 16 pontos, o Rubro-Negro precisa de mais nove para garantir, com tranqüilidade, um lugar entre os oito primeiros.

A conta é do técnico Vadão. Ele diz que o Atlético tem que garantir ao menos três vitórias contra Engenheiro, Paraná, Cianorte e Iguaçu. ?Acreditamos que com sete pontos conseguiríamos a classificação, mas assim ficaríamos brigando por critérios, então temos que fazer no mínimo nove pontos?, calcula o treinador.

Para cumprir a meta sem ter a obrigação de vencer o clássico contra o Paraná, na Vila Capanema, uma vitória hoje se torna fundamental para o Furacão. ?O Engenheiro Beltrão é uma equipe que marca forte e sabemos disso. Temos que ter uma grande movimentação durante a partida para fazer um grande jogo. Precisamos dessa vitória, que é muito importante para somarmos pontos e subirmos na tabela?, diz o volante Alan Bahia.

Alan está mais uma vez confirmado como titular, assim como todo o time que goleou o Coxim (MS) por 5 a 2, na última quarta-feira, pela Copa do Brasil. ?Acho que é importante usar o time titular porque nós ficamos nos preparando 30 dias e temos que jogar. Não tem porque ficar dez dias parados. Iríamos atuar com os titulares mesmo que tivéssemos o segundo jogo contra o Coxim. Como conseguimos eliminar ficamos numa situação privilegiada?, avalia Vadão.

O objetivo do treinador, além da classificação, é dar mais entrosamento ao Furacão. Ao escalar o mesmo time que atuou em Campo Grande, ele confirma a troca de Cristian por Evandro no meio-campo. Com essa formação, o Rubro-Negro jogou apenas uma partida na temporada. ?Com o decorrer dos jogos vamos adquirindo entrosamento. Cada jogo passa a ter uma responsabilidade ainda maior e com um peso maior. Temos que ganhar, indiferentemente do adversário. Já neste domingo temos uma grande responsabilidade e esperamos fazer um grande jogo?, afirma Vadão.

Adversário

O Engenheiro Beltrão nunca enfrentou o Atlético, mas seu técnico é conhecido na Arena da Baixada: Lio Evaristo, que comanda o time do Noroeste paranaense há três partidas, foi auxiliar-técnico rubro-negro. O volante Tobi, contundido, é o único desfalque. Eurico é o substituto.

CAMPEONATO PARANAENSE 2007

1.ª fase – 12.ª rodada

Atlético X Engenheiro Beltrão

Atlético – Cléber; Jancarlos, Danilo, Marcão e Michel; Alan Bahia, Marcelo Silva, Evandro e Ferreira; Alex Mineiro e Denis Marques. Técnico: Vadão.

Engenheiro Beltrão – Alonso; Gerson Lente, Maicon, Douglas e Neguette; Emanoel, Eurico, Luciano Araújo e Safira; Élton e Marcelinho. Técnico: Lio Evaristo.

Árbitro: Mauricio Batista dos Santos

Assistentes: Arquimedis Restelato da Silva e Sandra Maria Dawies

Local: Kyocera Arena, em Curitiba (PR)

Horário: 16h