A ótima temporada de 2013 fez o Atlético passar o Coritiba no ranking dos clubes mais valiosos do Brasil. De acordo com a pesquisa realizada pela Pluri Consultoria, especializada em análise do mercado do futebol, o Furacão terminou o ano com o elenco avaliado em R$ 120,5 milhões, 11.º colocado entre os 25 maiores times do país. Enquanto o Coxa, com o plantel avaliado em R$ 83,2 milhões, encerrou a temporada na 14.ª posição.

O vice-campeonato da Copa do Brasil, a terceira colocação no Brasileirão e, consequentemente, a classificaão para a Libertadores fizeram o Rubro-negro valorizar 85% em comparação com o ano passado. Em 2012, quando disputava a Série B, o elenco atleticano terminou a temporada apenas na 17ª posição.

Situação oposta à do Coritiba, que viu o seu time desvalorizar na atual temporada. Ranqueado em 13.º em 2012, o time do Alto da Glória, apesar do título paranaense, caiu uma posição neste ano. A luta até a última rodada para se manter na elite do futebol nacional e a segunda pior campanha do segundo turno do Brasileirão fez o plantel coxa-branca cair 16% em relação ao ano anterior.

Um dos motivos da valorização do Atlético se deve à boa temporada de alguns jogadores em particular. O principal deles é o atacante Marcelo, de apenas 21 anos. Eleito a revelação do Campeonato Brasileiro, o atleta, oriundo das categorias de base do Furacão, foi o destaque da equipe na temporada. Com sete gols e seis assistências no Brasileirão, Marcelo já sofre com o assédio de clubes do Brasil e da Europa. Além dele, o zagueiro Manoel, o lateral-direito Léo, o meia Éverton e o artilheiro do Brasileirão, Éderson, já tiveram os seus nomes especulados em clubes nacionais e do exterior.

Segundo o estudo, a análise do valor de mercado do jogador é realizada considerando 77 critérios de avaliação. Idade, fundamento, qualidade técnica, aspectos táticos, titularidade, posição, convocações para a seleção brasileira, disciplina e espírito de equipe são alguns dos itens analisados..

Campeão do Brasileirão, o Cruzeiro terminou o ano como o time mais valioso do país, avaliado em R$ 211,5 milhões. O Corinthians, apesar da má campanha no segundo semestre, fechou a temporada em segundo, com um valor estimado em R$ 203,6 milhões. Em terceiro aparece o Internacional, avaliado em R$ 185,1 milhões, seguido de São Paulo e Atlético-MG.

No total, os 25 times mais valiosos do Brasil fecharam o ano com o valor de mercado de seus elencos avaliados em R$ 2,85 bilhões. Número inferior ao de 2012, quando os clubes atingiram o valor recorde de 3,5 bilhões de reais. O Paraná Clube não aparece na lista dos 25 mais valiosos.