Três vítimas já confirmadas no incêndio ocorrido nesta sexta-feira (8) no Ninho do Urubu, o centro de treinamentos do Flamengo, têm ligação com o Athletico. Vitor Isaías, Gedson e Bernardo Pisetta, jogadores do time sub-15 do clube carioca, tiveram passagens pelo Furacão antes de ir para o Rio de Janeiro. Além do Rubro-Negro paranaense, o trio também passou pelo Trieste, clube da Suburbana de Curitiba.

View this post on Instagram

A post shared by Bernardo (@bernardopisetta) on

Catarinense, Vitor começou a jogar no Figueirense, onde se destacou a ponto de ser observado pelo Rubro-Negro. No ano passado, já pelo Athletico, foi artilheiro da Espírito Santo Cup. Em agosto de 2018, transferiu-se para o Flamengo.

Confira todas as notícias sobre a tragédia no Flamengo

A confirmação da morte de Vitor Isaías foi feita pela empresa de agenciamento de jogadores de Sávio, antigo ídolo do clube carioca, que cuidava da carreira do jovem. Gledson é natural do interior de São Paulo e estava no Athletico até o final do ano passado. Pisetta era goleiro, natural de Indaial-SC, e fechou com o Flamengo em agosto de 2018.

As autoridades de segurança ainda não divulgaram a lista oficial de vítimas. O incêndio aconteceu na madrugada desta sexta, e ainda não se sabe as causas. Dez mortes foram confirmadas, e três jogadores da base do Flamengo estão internados, um em estado grave.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!