enkontra.com
Fechar busca

Athletico

Athletico Paranaense

Athletico Paranaense

Deu Furacão

Atlético vence Rio Branco e está na final da Taça Dirceu Krüger

Sem muitos sustos, Athletico garante a vaga e espera o vencedor de Coritiba x Londrina

  • Por Juliana Fontes

O Athletico está na final da Taça Dirceu Krüger, a segunda fase do Campeonato Paranaense. Na tarde deste sábado (6), o Furacão venceu por 3×0 o Rio Branco na Arena da Baixada, e se garantiu na decisão. O adversário virá do confronto entre Coritiba e Londrina, que acontece neste domingo (7), no Couto Pereira.

+ Tempo Real: Confira como foi o jogo no nosso Lance a Lance

Antes de a bola rolar, o time rubro-negro vivia uma indecisão sobre os jogadores a serem escalados. Ainda que o técnico Rafael Guanaes tivesse entre os inscritos no seu grupo alguns atletas do time principal, não pôde contar com esses reforços. Isso porque já na terça-feira (9), o Athletico encara o Tolima pela Copa Libertadores. Portanto, Paulo André, Robson Bambu e Matheus Rossetto sequer ficaram no banco do time de aspirantes. Porém, Guanaes tinha à sua disposição seis jogadores inscritos também na Libertadores, mas que não estão entre os titulares de Tiago Nunes: Léo, Zé Ivaldo, Erick, Jáderson, Bergson e Gabriel Poveda.

Khellven fez seu primeiro gol como profissional. Foto: André Rodrigues

Khellven fez seu primeiro gol como profissional. Foto: André Rodrigues

O jogo começou nervoso e logo nos minutos iniciais o Athletico quase perdeu Zé Ivaldo. Aos 5 minutos, o zagueiro dividiu uma bola com o goleiro Ravel e acabou sofrendo uma pancada na cabeça. A equipe médica chegou a realizar o atendimento e pedir a substituição, mas o jogador reuniu condições para voltar e ajudar a equipe. O Furacão criava oportunidades e aos 14 minutos, Bergson recebeu na entrada da área e chutou rasteiro, mas a bola bateu na trave e saiu.

O Rio Branco perdeu uma chance incrível de balançar as redes. Aos 16 minutos Bruno Andrade recebeu dentro da área e cara a cara com Léo furou de forma inacreditável, deixando escapar um gol que seria fundamental para a equipe do litoral. O jogo estava nervoso e antes dos 40 minutos da etapa inicial, quatro cartões amarelos já haviam sido aplicados. O Furacão chegava perto, mas a ansiedade dos mais jovens como Jáderson, Erick e Vitinho fazia com que a bola não fosse finalizada com capricho.

Porém, a calma de um jogador com mais experiência fez a diferença. Bergson abriu o placar aos 43 minutos. O camisa 9 recebeu a bola de Christian e teve a tranquilidade para avançar e chutar com precisão, deixando o Furacão na frente.

O jogo foi reiniciado e não demorou para que o Athletico ampliasse. Aos 8 minutos, o jovem Khellven, de 18 anos, fez seu primeiro gol como profissional. O camisa 2 carregou a bola da lateral direita até dentro da área e chutou firme do lado esquerdo do goleiro Ravel, ampliando o placar.

+ Confira a classificação completa e a tabela de jogos da Taça Dirceu Krüger

Com a vantagem assegurada, o Athletico dominava a partida com tranquilidade e criava mais chances de ampliar. Por mais que o Rio Branco quisesse reagir e tentasse criar alguns contra-ataques rápidos para buscar o gol, o maior esforço do time do litoral era para que o prejuízo não fosse maior. Só que teve mais. Pra fechar, Bill fez um golaço de bicicleta no último lance da partida. A decisão do turno acontecerá na próxima quarta-feira (10), às 21h30, na Arena da Baixada.

Ficha técnica

PARANAENSE
Taça Dirceu Krüger – Semifinal

ATHLETICO 3×0 RIO BRANCO

Athletico
Léo; Lucas Halter, Zé Ivaldo e Eder; Khellven, Erick, Christian (Renzo), Marquinho (Matheus Anjos) e Vitinho; Jáderson (Bill) e Bergson.
Técnico: Rafael Guanaes

Rio Branco
Ravel; Salazar, Erwin e João Antônio (Gustavo Índio); Alexsandro (Rodrigo), Borges, Anderson Sousa, Willyan Soto e Jackson; Bruno Andrade e Wellissol (Andrezinho).
Técnico: Norberto Lemos

Local: Arena da Baixada
Árbitro: Luiz Alexandre Fernandes
Assistentes: Weber Felipe Silva e Adolfo Ferreira Borges
Gols: Bergson 43 do 1º; Khellven 8 e Bill 48 do 2º
Cartões amarelos: Christian, Léo, Bill (CAP); Borges, Erwin, Anderson Sousa, Salazar (RB)
Renda: R$ 204.508,00
Público total: 8.768

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

52 Comentários em "Atlético vence Rio Branco e está na final da Taça Dirceu Krüger"


Fura Cão
Fura Cão
3 meses 14 dias atrás

Proximo jogo. CAP X TUBARÃO.

Fura Cão
Fura Cão
3 meses 14 dias atrás

Alô alô alô ciumentos hipocritas. 3 x 0. Viu ? Viu ? Viu ?

Mario Quisero
Mario Quisero
3 meses 14 dias atrás

boa atlético, apesar de ser coxa reconheço que é o time mais equilibrado do ruralzão e tem tudo para ser campeão e com a grande sacada de prestigiar a piazada, é um exemplo para o coxa e o paraná que trouxeram aproximadamente uns 30 ‘profissa’ e vão ficar pelo caminho, que sirva de exemplo…

EDILSON TABORDA
EDILSON TABORDA
3 meses 14 dias atrás

Sendo ou não sendo coxa, além de lúcido seu comentário não contém ofensas. Motivos mais que suficientes para lhe agradecer ao prestigiar o CAP.

Mario Quisero
Mario Quisero
3 meses 13 dias atrás

torcer para um time de futebol para mim é como gostar de um determinado sabor de bolo, você pode gostar de morango e eu de chocolate e está tudo bem; eu sou favorável a opinião do petralia de torcida humanizada ou seja todos misturados na arquibancada, os times são adversários no esporte só

Fabiano Duarte
Fabiano Duarte
3 meses 15 dias atrás

Nós últimos 30 dias o Furacão balançou as redes 23 vezes somente na Arena somando titular mais aspirantes, mas as paquitas invejosas não querem que a torcida atleticana fique feliz, tá certo

Eunicio Souza
Eunicio Souza
3 meses 15 dias atrás

não vai demorar muito e o CAP vai ter que colocar o dente de leite para disputar o ruralzão contra os titulares da dupla iludida de serie b,pra dar um pouco de emoção.

1 2 3 5
wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas