O Athletico segue em crise. Desta vez, o Furacão empatou com o Botafogo por 1×1, nesta quarta-feira (9), na Arena da Baixada, pela nona rodada, e pode entrar na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. O gol botafoguense foi Victor Luis, de pênalti, enquanto Ravanelli empatou.

Ao todo, já são sete jogos sem vencer (cinco derrotas e dois empates). Na classificação, o Rubro-Negro segue em alerta e é o 16º colocado, com apenas oito pontos, e pode perder mais posições.

+ Confira como foi o jogo no Tempo Real da Tribuna!

Com novidades na escalação, a mudança mais polêmica foi a entrada de Lucho González, o Athletico controlou a etapa inicial. O time atleticano teve mais posse de bola e até construiu jogadas de perigo, mas pecou no último passe e na finalização.

Fabinho e Nikão pararam em boas defesas de Diego Cavalieri. Léo Cittadini finalizou por cima da meta da entrada da área. Faltou qualidade técnica aos atleticanos nos primeiros 45 minutos.

Já o Botafogo, bem postado defensivamente, apostou nos contra-ataques. Mas pouco assustou o goleiro Santos. Até que, aos 44 minutos, o time carioca chegou em velocidade pela direita com Caio Alexandre, que cruzou para Bruno Nazário mandar para a rede. No entanto, o lance foi revisado VAR, que assinalou impedimento no início da jogada.

+ Confira a classificação completa do Brasileirão!

No segundo tempo, o time carioca voltou melhor e pressionou o Furacão, atacando mais e ficando perto do gol, que veio, com Victor Luis, de pênalti

Quando a derrota parecia certa, Ravanelli empatou para o Athletico, aos 43. O time atleticano ainda teve uma grande chance de virar e sair com a vitória.

Nos acréscimos, Nikão cobrou pênalti, mas mandou por cima do gol e o resultado final ficou no 1×1.

Ficha técnica

Brasileirão 2020
9ª rodada

Athletico x Botafogo

Athletico: Santos; Jonathan, Felipe Aguilar, Thiago Heleno e Márcio Azevedo; Erick (Ravanelli), Lucho González e Léo Cittadini; Nikão, Fabinho e Bissoli. Técnico: Eduardo Barros.

Botafogo: Diego Cavalieri; Kevin, Marcelo Benevenuto, Kanu e Victor Luis; Rafael Forster, Luiz Otávio (Rentería), Caio Alexandre e Bruno Nazário; Kalou e Matheus Babi. Técnico: Paulo Autuori.

Local: Arena da Baixada
Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araújo
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa
Gols: Victor Luis, 33, e Ravanelli, 44 do 2º
Cartões amarelos: Lucho González (CAP)


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?