enkontra.com
Fechar busca

Athletico

Athletico Paranaense

Athletico Paranaense

Nos tribunais!

Athletico tenta doar dinheiro de multa a hospital e TJD veta

Furacão havia sido condenado a pagar R$ 50 mil ao tribunal por não disponibilizar ingressos à torcida do Coritiba

  • Por Juliana Fontes
Foto: Arquivo.

O Tribunal de Justiça Desportiva do Paraná (TJD-PR) não autorizou o Athletico a reverter parte da multa que precisa pagar ao órgão para uma causa social. O Furacão foi condenado a pagar R$ 50 mil à entidade por não disponibilizar ingressos à torcida do Coritiba no Atletiba realizado no primeiro turno do Campeonato Paranaense. O caso da “torcida humana” chegou a ser julgado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), que bateu o martelo sobre a punição e o clube tentou direcionar metade desse valor para a construção do Hospital Erastinho, mas o pedido foi negado nesta terça-feira (16) e, com isso, todo o dinheiro irá para os cofres da Federação Paranaense de Futebol (FPF).

A definição do valor final para a multa do Athletico foi determinada pelo STJD, no Rio de Janeiro, na última semana. A punição – estipulada pelo TJD – em fevereiro, era de R$ 200 mil, além de ter Luiz Sallim Emed, presidente do Conselho Administrativo, suspenso por 360 dias. Após recurso, o clube conseguiu diminuir a punição para o valor de R$ 100 mil. Entretanto, o “gancho” ao cartola foi mantido. Ao chegar ao STJD, a punição transformou-se em uma multa de R$ 50 mil e a suspensão de Emed foi cancelada.

+ Leia mais: Bergson está perto de trocar o Athletico pelo Ceará

Confira a nota na íntegra:

O Athletico Paranaense informa aos seus torcedores que, na data de ontem (16), mais uma vez se surpreendeu negativamente com uma decisão advinda do TJD-PR, proferida pelo Presidente Sr. Adelson Batista de Souza.

Por conta da multa de 50 mil reais, aplicada pelo STJD contra o CAP em razão da “torcida humana”, o Clube apresentou ao Presidente do TJD-PR, com fundamento no art. 176-A, § 2º do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, pedido de conversão da metade da multa em favor do HOSPITAL ERASTO GAERTNER, visando contribuir com a construção de sua ala infantil (‘Erastinho’).

Com base em argumentos não compreendidos e de forma absolutamente não usual, o Presidente do TJD-PR indeferiu o pedido apresentado pelo CAP e, com isso, o valor integral da multa será revertido em favor da Federação Paranaense de Futebol.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

41 Comentários em "Athletico tenta doar dinheiro de multa a hospital e TJD veta"


Marcelo  De Souza
Marcelo De Souza
4 meses 2 dias atrás

O coronel sendo bonzinho ? Parece piada ….deveria devolver o dinheiro público investido no canil dos poodles …vergonha do Brasil ..não sei como os poodles não sentem vergonha em sentar em um estádio com o dinheiro de manobra irregular

Lutador Antifascista
Lutador Antifascista
4 meses 2 dias atrás

TJD-PR quer só o dinheiro do Atlético, mais nada, já foi percebido isto! “Justiça Desportiva”, só se é no INFERNO!!!… kkkkkkkkkkkkkkk

Martelo Rubronegro
Martelo Rubronegro
4 meses 2 dias atrás

Meodeos a que ponto chega a IMBECILIDADE HUMANA. Se bem que duvido da humanidade deste Mapb. Deve ser um cachorro coxa ou vileiro. Espero que TEU FILHO não precise desse valor NUNCA. Saúde pra ele já pra vc….

MAPB MAPB
MAPB MAPB
4 meses 2 dias atrás

Na verdade, a doação foi negada porquê é uma mixaria. O TJD confia que esse clube riquíssimo e sem dívidas irá doar, pelo menos, metade da premiação por entrar nas oitavas da Copa do Brasil. Aí, sim, será uma doação de verdade… A direção do Erastinho já está sonhando com isso

CIC CIC
CIC CIC
4 meses 2 dias atrás

sem comentarios ….

Arauto D.
Arauto D.
4 meses 2 dias atrás

Já comentou

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas