Após a conquista da Levain Cup/Conmebol Sudamericana no Japão, o foco principal do Athletico se torna a Copa do Brasil. O Furacão está a apenas quatro jogos de uma conquista inédita. O primeiro desafio será contra o Grêmio, na próxima quarta-feira (14), na Arena do Grêmio, pela ida da semifinal. Porém, antes, o Rubro-Negro tem um compromisso pelo Campeonato Brasileiro, domingo (11), no Nilton Santos.

Para esta partida, o Athletico deve poupar praticamente todo seu grupo titular. Primeiro pela questão do desgaste pela viagem até o outro lado do mundo. O elenco chega só nesta sexta-feira (9) ao Brasil e não teria tempo para descansar, uma vez que sábado (10) tem um treinamento no Rio de Janeiro. E segundo que as atenções são justamente pensando na partida em Porto Alegre.

+ Leia também: Furacão renova contrato com Vitinho

Por isso, os titulares contra o Shonan Bellmare, além do meia Nikão, ao desembarcar em São Paulo, vão seguir para Curitiba e ter um período de folga. A exceção será o zagueiro Pedro Henrique, que não pode jogar a Copa do Brasil por já ter defendido o Corinthians e estará à disposição do técnico Tiago Nunes, assim como os outros nove atletas que estiveram no Japão, casos dos goleiros Caio e Léo, o lateral-direito Madson, o zagueiro Lucas Halter, os meias Lucho González, Léo Cittadini e Tomás Andrade e os atacantes Braian Romero e Thonny Anderson.

Juntam-se a eles outros nomes que ficaram em Curitiba esta semana, casos dos zagueiros Robson Bambu e Wálber, do lateral-direito Khellven, dos laterais-esquerdos Abner e Abner Vinícius, dos volantes Erick e Matheus Rossetto e dos atacantes Vitinho, Jáderson e Vinícius Mingotti, o que fecharia 19 jogadores na delegação.

+ Mais na Tribuna: Athletico é o clube com mais partidas transmitidas

Principal contratação do clube na temporada, o lateral-esquerdo Adriano ainda seguirá na capital paranaense, aprimorando a parte física. O atleta só deve estrear com a camisa do Furacão no final do mês.

Uma equipe toda reserva para estar o mais preparado fisicamente possível para pegar o Grêmio. Prioridades que estão claras internamente no Furacão.

“É muito difícil manter a performance em tantas competições ao mesmo tempo, ainda mais com viagens tão longas, principalmente com fuso. Isso acaba dificultando para manter a performance. O que a gente tem feito é tentar utilizar o máximo possível nosso elenco e priorizar algumas competições. Acabamos priorizando em um primeiro momento a Libertadores, a Copa do Brasil e também o torneio aqui no Japão. Vamos tentar o máximo possível levar dessa forma enquanto tivermos condições de disputar todas as competições que estamos envolvidos”, disse o treinador, após o triunfo em solo japonês.

+ Confira a classificação completa do Brasileirão!

No Brasileirão, o Rubro-Negro é o oitavo colocado, com 19 pontos, dois a menos que o São Paulo, que fecha o G6. Os dois times têm um jogo a menos em relação aos demais, por conta do duelo adiado para o dia 21. Até por esta situação tranquila na tabela, o Athletico sabe que pode dar este descanso aos seus principais jogadores, ainda mais visando a sequência da temporada, com uma maratona de partidas até dezembro.

+ Atenção! Você está a um clique de ficar por dentro do que acontece em Curitiba e Região Metropolitana. Tudo sobre futebolentretenimentohoróscopo, nossos blogs exclusivos e os Caçadores de NotíciasVem com a gente!