O duelo diante do Boca Juniors, dia 2 de abril, na Arena da Baixada, pela terceira rodada da Libertadores, que está sendo tratado como um confronto histórico pelo Athletico, pode causar algumas polêmicas. Embora o preço dos ingressos tenha diminuído, caindo de R$ 200 a inteira para R$ 150, o clube informou que o espaço destinado à torcida do time argentino será no setor Coronel Dulcídio Superior, que é o local acordado para que a torcida organizada Os Fanáticos acompanhe os jogos do Rubro-Negro.

No entanto, no final de fevereiro, a diretoria da TOF informou que não ficaria mais neste setor, conforme havia acordado com os dirigentes do Furacão. Segundo eles, a decisão foi tomada por conta de promessas não cumpridas no Termo de Ajuste de Conduta (TAC) acordado entre as partes.

+ Leia também: Furacão se reaproxima da Globo e do Cartola FC

Por isso, nos últimos jogos do Athletico na Arena, a torcida organizada está localizada no setor Coronel Dulcídio Inferior sem nenhum material, seja faixas, bandeiras ou instrumentos. Assim, caso não haja um acordo, a torcida do Boca Juniors ficará localizada acima do local onde a principal facção do Furacão está acompanhando os jogos.

Diante disso, essa determinação deve causar polêmica nos próximos dias. Caso a Os Fanáticos não aceite mudar de local no dia da partida, o risco de ocorrer alguma confusão pode ser alto. Por isso, algum ajuste entre as partes deve acontecer.

+ Mais na Tribuna: Athletico desiste de ‘parceria revolucionária’ com a Inoovi

No Campeonato Paranaense, como é proibida a entrada de torcida visitante, nenhum incidente foi registrado. No entanto, como na Libertadores essa medida não pode ser adotada, o Athletico terá que entrar em acordo com a sua principal organizada para evitar problemas em um dos jogos mais importantes da sua história.

Os ingressos já estão à venda pelo site www.ingressoscap.com.br, no Disk Ingressos e na loja Mundo do Futebol. As entradas custam a partir de R$ 75 (meia-entrada) e R$ 150 (inteira). Cada pessoa (CPF) pode comprar apenas um ingresso e o cadastro da compra deve ser feito com o mesmo nome e CPF do torcedor que vai ao jogo. A biometria é obrigatória para todos os torcedores, exceto crianças de até 12 anos. Detalhes sobre a comercialização nas bilheterias da Arena e o horário de cadastro serão divulgados em breve.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!