Em duelo direto na briga contra o rebaixamento, o Athletico foi derrotado pelo Corinthians por 1×0, na Arena da Baixada, nesta quarta-feira (14), pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. Já são cinco jogos sem vencer do Furacão, sendo um pela Libertadores, com dois empates e três derrotas.

Após um primeiro tempo fraco, o Rubro-Negro criou diversas oportunidades no segundo, com um jogador a mais aos 30 minutos, mas parou no goleiro Walter, que foi o destaque do jogo.

>> Veja como foi o jogo entre Athletico e Corinthians

O resultado deixa o time paranaense na 18ª colocação, com 15 pontos, a um do Coritiba, o primeiro fora zona de rebaixamento. No sábado (17), a equipe atleticana tem pela frente o Atlético-GO, fora de casa, às 19h.

Primeiro tempo foi fraco na Arena

Apesar de ter uma postura mais defensiva, o Corinthians criou a primeira chance da partida. Após jogada pela esquerda, Matheus Vital recebeu dentro da área e chutou forte. O goleiro Jandrei cresceu para evitar o gol da equipe paulista. O Athletico respondeu aos oito minutos, com um chute de Geuvânio, mas Walter espalmou.

Com uma maior posse de bola, o Furacão buscou ter a iniciativa do duelo, empurrar o adversário para trás, e acelerar o jogo pelos lados, mas sem grande sucesso. A melhor chance rubro-negra foi aos 45. Christian pegou rebote na entrada da área e soltou uma bomba. O goleiro corintiano apareceu para salvar.

Goleiro foi destaque na etapa final

Eduardo Barros voltou com Ravanelli para o segundo tempo e deixou o time mais ofensivo. Aos três minutos, Geuvânio arriscou e exigiu mais uma boa defesa de Walter. Em seguida, Ravanelli também colocou o goleiro alvinegro para trabalhar, quase abrindo o placar.

>> Confira tabela e classificação do Brasileirão

O Furacão criou sua melhor oportunidade aos 15. Em contra-ataque rápido, Geuvânio achou um passe de letra para Renato Kayser, que saiu na cara do goleiro. O atacante chutou no canto, mas Walter evitou o gol.

O Corinthians ficou com um jogador a menos aos 30 minutos, com a expulsão de Bruno Méndez. o Furacão pressionou, apertou, mas nada foi possível para superar a grande noite do goleiro corintiano.

Nos momentos finais, o atacante Everaldo recebeu de Xavier e tocou na saída de Jandrei. A bola entrou, mas o assistente marcou o impedimento do corintiano. Na revisão do VAR, o árbitro confirmou o gol, decretando a vitória do Timão.

Ficha técnica

BRASILEIRÃO
16ª rodada
14/10/2020

ATHLETICO 0x1 CORINTHIANS

Athletico: Jandrei; Erick, Thiago Heleno, Pedro Henrique e Abner (João Victor); Wellington (Walter), Christian e Léo Cittadini (Ravanelli); Geuvânio (Carlos Eduardo), Fabinho (Pedrinho) e Renato Kayzer.
Técnico: Eduardo Barros

Corinthians: Walter; Fagner, Bruno Méndez, Gil e Lucas Piton; Ramiro (Cazares), Éderson (Camacho), Xavier, Mateus Vital (Marlon) e Léo Natel (Everaldo); Jô (Boseli).
Técnico: Vagner Mancini

Local: Arena da Baixada.
Árbitro: Savio Pereira Sampaio.
Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade e Jose Reinaldo Nascimento Junior.
Gols: Everaldo, 49 do 2º
Cartões amarelos: Erick, Abner e Renato Kayser (CAP). Ramiro, Matheus Vital (COR)
Cartão vermelho: Bruno Méndez (Corinthians)


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?