O Chelsea encerrou as especulações nesta terça-feira e confirmou a saída do atacante Didier Drogba, herói do título da Liga dos Campeões, conquistado no sábado. O jogador da Costa do Marfim marcou o gol de empate com o Bayern de Munique no tempo normal da decisão e assegurou o troféu ao converter a última cobrança de pênalti.

“Quero colocar um ponto final nos rumores e confirmar que estou deixando o Chelsea. Foi uma decisão muito difícil para mim”, afirmou o atacante de 34 anos, que não informou qual será seu destino. “Estou muito orgulhoso da nossa conquista, mas este é o momento certo para um novo desafio”.

Drogba, cujo contrato expira no fim de junho, encerra sua passagem de oito anos pelo Chelsea com uma trajetória recheada de troféus. Autor de 157 gols em 341 jogos, o atacante faturou três títulos do Campeonato Inglês, quatro Copas da Inglaterra, duas Copas da Liga Inglesa, além do cobiçado e então inédito troféu da Liga dos Campeões.

“Como um time, conquistamos muita coisa e faturamos todos os títulos possíveis. No sábado vivemos um momento muito especial para todos. E estou muito orgulhoso de ter contribuído para trazer estes troféus para o clube, que foi minha casa por oito anos”, declarou Drogba.

Principal executivo do Chelsea, Ron Gourlay exaltou a passagem vitoriosa do atacante pelo clube. “Didier é sem dúvida uma lenda do Chelsea e será sempre parte desta família. Ele contribuiu muito para o recente sucesso do clube. Foi um profissional durante todo este tempo e uma liderança natural, que inspirou os jogadores mais jovens”, afirmou o dirigente.