Depois de largar na 16ª posição, Felipe Massa fez uma corrida de recuperação, neste domingo, no GP do Canadá, e conseguiu chegar na zona de pontos, no oitavo lugar. O brasileiro, que ouviu o chefe da Ferrari, Stefano Domenicali, dizer que o piloto tinha tudo para renovar contrato, ficou feliz com o que apresentou em Montreal.

“Estou muito feliz com a minha corrida de hoje (domingo), que foi uma verdadeira batalha do início ao fim. Depois de sair da pista no treino de ontem, eu sabia que não seria fácil largar do 16º lugar”, comentou ele.

Massa, porém, acredita que poderia ter ido mais longe. “Por um problema com os pneus, eu perdi um tempo precioso atrás de (Adrian) Sutil, da Force India. Acho que uma estratégia diferente poderia ter me dado pelo menos mais um ou dois lugares. Ainda que eu não possa estar satisfeito com eu resultado, ainda assim foi um dia positivo”, completou o brasileiro.

O piloto acredita que a Ferrari pode vencer na próxima prova, em Silverstone, no dia 30. “Agora olho para a próxima corrida com muita confiança, porque Silverstone é muito semelhante a Xangai e Barcelona, onde nosso carro se saiu muito bem.”