O atacante André foi apresentado nesta quinta-feira como novo reforço do Sporting para a temporada 2016/2017 do futebol europeu. Depois de uma passagem sem brilho pelo Corinthians, o jogador foi negociado esta semana. Em baixa, preferiu evitar fazer qualquer promessa de gols neste primeiro contato com a imprensa portuguesa.

“O Sporting é um grande clube. Quero que corra tudo bem e que eu ajude na conquista de títulos. Promessas de números é sempre complicado, mas vou fazer o meu melhor e tentar marcar muitos gols. Darei sempre o melhor e, com isso, espero poder ser campeão”, declarou.

André havia chegado ao Corinthians no início do ano, após boa passagem pelo Sport. O jogador já acumulava na carreira alguns bons momentos, como no Santos, e outros ruins, como no Atlético-MG, no Vasco, no Bordeaux e no Dínamo de Kiev. Em oito meses com a camisa corintiana, atuou 29 vezes e marcou somente seis gols.

Em busca de dias melhores, o jogador assinou contrato por três temporadas com o Sporting, que comprou 50% de seus direitos. De acordo com o clube português, a cláusula de rescisão do jogador é de 60 milhões de euros. Na nova equipe. André celebrou a oportunidade de trabalhar com o técnico Jorge Jesus.

“É mais uma oportunidade de fazer uma ótima temporada. Estar em um clube grande é isso mesmo. Jorge Jesus? Conheço bem. Um grande treinador e espero aprender muito com ele”, comentou.

O atacante também falou sobre dois dos novos companheiros. “Dos meus novos companheiros, conheço o Bruno César. Joguei várias vezes contra ele, quando havia clássicos do Corinthians com o Santos. Era um adversário muito difícil, estou bastante satisfeito por agora sermos companheiros. Também conheço o Naldo, mas não pessoalmente e nunca jogamos juntos ou um contra o outro.”