O meia Luka Modric esquentou ainda mais o clima para a partida entre Croácia e México, que será realizada nesta segunda-feira, na Arena Pernambucano. O jogador do Real Madrid passou toda a entrevista coletiva realizada neste domingo, no estádio na região metropolitana do Recife, adotando a tática do “bate e assopra” e por diversas vezes desdenhou da boa fase do goleiro mexicano Guillermo Ochoa.

Ao falar sobre Mandzukic, principal atacante da Croácia, mais uma vez o meia croata ironizou toda a badalação em cima de Ochoa, que fechou o gol no empate com o Brasil. “Mandzukic já mostrou sua qualidade pelo Bayern (de Munique) e nessa Copa. Ele, inclusive, já marcou gols em goleiros melhores do que o Ochoa, com todo respeito”, disse Modric.

Ao ser questionado sobre o fato do adversário ainda não ter levado gols na competição, Modric ironizou. “O fato deles não terem sofrido gols mostra a qualidade do time, mas existe a primeira vez para tudo. Eles tiveram sorte e um grande desempenho contra o Brasil”, lembrou o meia.

Tanto Modric como o técnico Niko Kovac lembraram por diversas vezes o fato da seleção da Croácia já ter feito cinco gols na Copa. Para o meia, o México pode viver um bom momento e ter a vantagem do empate, mas não é uma equipe melhor. “Acho que temos jogadores individualmente melhor”, opinou o astro do Real Madrid.

Croácia e México jogam às 17 horas desta segunda-feira, na Arena Pernambuco. Quem vencer está classificado, enquanto o empate garante a vaga mexicana, independentemente do resultado de Brasil x Camarões, que acontece no mesmo horário.