Um dos trunfos do Flamengo também por causa de sua experiência acumulada em partidas decisivas ao longo de sua carreira, o lateral-esquerdo André Santos exaltou a importância de o time carioca conseguir fazer ao menos um gol no confronto de ida da final da Copa do Brasil, nesta quarta-feira, diante do Atlético-PR, às 21h50, no Estádio Durival de Britto, em Curitiba.

Hoje com 30 anos de idade, André Santos já foi campeão da Copa do Brasil por duas vezes, sendo a primeira delas justamente pelo Flamengo, em 2006, antes de voltar a conquistar o título na competição nacional em 2009, com a camisa do Corinthians. Naquele mesmo ano, o jogador foi campeão paulista e ajudou o Brasil a ser campeão da Copa das Confederações, na África do Sul.

Com este currículo e passagens também por Fenerbahçe e Arsenal no futebol europeu, André Santos receita: “Na Copa do Brasil você sempre procura fazer gol fora de casa, é sempre muito bom, dá uma vantagem grande. Nosso objetivo maior é vencer o jogo, mas vai ser difícil, vamos ter de fazer o que o professor (Jayme de Almeida) nos pedir, mas fora de casa é importante fazer gols para que a gente possa levar a decisão para casa, ter uma margem melhor no Maracanã”.

O lateral também destacou a importância de os jogadores do Flamengo entrarem em campo muito determinados já a partir do primeiro jogo da final, independentemente da vantagem de poder decidir o título no Rio, no próximo dia 27.

“A responsabilidade aumentou para nós jogadores. Queremos muito esse título, assim como eles (do Atlético-PR). São dois jogos, 180 minutos onde tudo pode acontecer. Vamos para esse primeiro objetivo focados, preparados, para fazermos um grande primeiro jogo e decidirmos esse título em casa”, enfatizou.