Após o Corinthians lançar uma nota oficial afirmando que o contrato com o lutador Anderson Silva não havia sido renovado, o Spider declarou na última quarta-feira que segue negociando com o clube.

“Estamos negociando, mas isso não impede de eu continuar sendo corintiano. Antes de ter qualquer contrato com o clube, eu vou morrer sendo torcedor do Corinthians”, ressaltou Silva, após treino aberto realizado em Las Vegas.

A parceria com o Timão começou em 2011. Junto com o patrocínio ao lutador, o clube criou uma academia de lutas. Neste sábado (6), Anderson Silva enfrenta Chris Weidman, pelo UFC 162, sem a marca do clube.