Como é de praxe antes da estreia de um time europeu no Mundial de Clubes, o técnico do Real Madrid, Carlo Ancelotti, tratou de valorizar a competição para o seu clube. Em Rabat (Marrocos) para a estreia diante do Cruz Azul, do México, o treinador lembrou que todos os demais europeus veem o torneio pela tevê.

“Estão os campeões continentais de todo o mundo e todos que venceram suas respectivas ligas continentais merecem jogar este torneio. É um grande campeonato e temos muitas expectativas. O problema é chegar até aqui. Muitas equipes vão ver o torneio pela televisão”, comentou o treinador, em entrevista coletiva.

O jogo diante dos mexicanos, porém, não irá mais acontecer em Rabat. Por conta das condições do gramado do Estádio Príncipe Moulay Abdellah, a partida foi transferida para Marrakesh.

Sobre os mexicanos, disse que o Cruz Azul “é uma equipe que tem qualidade de jogo, jogadores com experiência, que já jogaram na Espanha e conhecem o estilo de jogo do Real Madrid”. O treinador ainda acrescentou que “em uma semifinal, todas a equipes são perigosas”.

Ancelotti confirmou que James Rodrigues não terá condições de jogo nesta terça-feira, mas espera contar com ele para uma eventual final, no domingo. “A condição física do time é muito boa e chegamos muito bem do ponto de vista físico e mental.”