Como Léo sofreu uma lesão no tornozelo direito e ficará de 10 a 15 dias afastado, Alex Sandro será o titular da lateral-esquerda do Santos no jogo desta quarta-feira, contra o Cerro Porteño, em Assunção, no Paraguai, pelas semifinais da Libertadores. E o garoto de apenas 20 anos garante estar pronto para assumir a responsabilidade neste momento decisivo.

“É uma grande oportunidade de mostrar meu trabalho, mas fico triste com a lesão do Léo. Agora, quero conseguir uma sequência de jogos e esta oportunidade na semifinal da Libertadores é muito importante. Queremos esta vaga na final para fazer história aqui”, disse Alex Sandro, antes do embarque da delegação santista, nesta terça-feira, para Assunção.

Com 35 anos, Léo é o jogador mais experiente do elenco santista. Mas Alex Sandro não se intimida com a chance de substituí-lo. “Me sinto preparado, porque já entrei em decisões, como o primeiro jogo contra o Corinthians, na final do Campeonato Paulista. Mesmo sendo titular ou reserva, minha concentração é a mesma”, avisou o jovem lateral do Santos.

Assim, com a entrada de Alex Sandro no lugar de Leó, o Santos precisa apenas de um empate com o Cerro Porteño, nesta quarta-feira, para garantir a sua vaga na final da Libertadores – no jogo de ida, na semana passada, houve vitória santista por 1 a 0.