enkontra.com
Fechar busca

De Letra

esportes

Ajax sofre, mas avança na Liga dos Campeões; Porto e Celtic são eliminados

  • Por Estadão Conteúdo

Semifinalista da Liga dos Campeões na temporada passada, o Ajax teve de suar muito nesta terça-feira para continuar com chances de disputar a fase de grupos da próxima edição da maior competição de clubes do mundo. Desfalcada de alguns jogadores que deixaram o clube, a equipe holandesa sofreu, mas derrotou o PAOK, da Grécia, por 3 a 2 (5 a 4 no agregado), na Johan Cruijff Arena, em Amsterdã.

Após empate por 2 a 2, na Grécia no jogo de ida, Diego Biseswar, que iniciou a carreira nas categorias de base do Ajax, abriu o placar, aos 23 minutos do primeiro tempo para os gregos. O sérvio Dusan Tadic, capitão do Ajax, empatou aos 43, após cobrança de pênalti.

O argentino Nicolas Tagliafico colocou os holandeses em vantagem, aos 34, e Tadic, mais uma vez de pênalti, fez o terceiro, aos 40 minutos. Diego Biseswar diminuiu para os visitantes, que pressionaram nos cinco minutos de acréscimo. Após o apito final do juiz, os jogadores do time grego reclamaram muito do tempo extra e dos pênaltis anotados.

“Foi uma noite difícil. Estou feliz pelo resultado, mas não me pergunte como conseguimos”, disse o meio campista Donny van de Beek. “Enfrentamos um adversário muito difícil.” Na próxima etapa, a última antes da fase de grupos, o adversário do Ajax será o cipriota APOEL, que eliminou o Qarabag, do Azerbaijão, por 3 a 2, no placar agregado.

Dois times tradicionais caíram nesta terça. O Porto deu vexame ao perder em casa para o russo Krasnodar por 3 a 2. Após vencer como visitante (1 a 0), a equipe portuguesa terminou o primeiro tempo perdendo por 3 a 0. Em 34 minutos, Tonny Vilhena e Magomed-Shapi Suleymanov (duas vezes) fizeram os gols russos. No segundo tempo, Zé Luis e Luis Diaz diminuíram para a equipe portuguesa, mas os gols foram insuficientes para evitar a eliminação.

Com a classificação histórica, o Krasnodar vai enfrentar na segunda fase o Olympiacos, da Grécia, que passou pelo turco Istanbul Basaksehir (3 a 0, no agregado).

O outro time grande a se despedir precocemente da Liga dos Campeões foi o escocês Celtic. Depois de um empate na Romênia (1 a 1), a equipe escocesa perdeu, em Glasgow, para o CFR Cluj por 4 a 3 (5 a 4, no agregado). Ciprian Ioan Deac fez 1 a 0 para o Cluj. James Forrest e Odsonne Edouard viraram para o Celtic. Billel Omrani empatou para os romenos, mas Ryan Christie voltou a colocar o time da Escócia em vantagem. Billel Omrani e George Tucudean marcaram e garantiram o triunfo para o Cluj.

O sérvio Estrela Vermelha arrancou a classificação na Dinamarca, ao bater o Copenhague nos pênaltis (7 a 6), após 1 a 1 nas duas partidas. Já o Dínamo de Kiev foi eliminado na fase de classificação pelo terceiro ano seguido. Jogando na Ucrânia, o time apenas empatou em três gols com o belga Brugge e ficou fora por causa de 4 a 3 no agregado.

O norueguês Rosenborg não teve problemas para bater o esloveno Maribor, ao marcar 3 a 1 em casa, repetindo o placar do jogo de ida. O austríaco LASK também não passou susto diante do suíço Basel e venceu, em casa, por 3 a 1, após 2 a 1, na Suíça. Já o croata Dínamo de Zagreb foi obter a vaga na Hungria, com uma goleada, por 4 a 0, sobre o Ferencvárosi. Na Croácia, os times haviam empatado por 1 a 1.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas