enkontra.com
Fechar busca

De Letra

Na crista da onda!

‘Agora vão respeitar mais o Brasil’, aposta Felipão

Felipão lembrou ainda que a energia dos torcedores foi fundamental para o jogo

A vitória por 3 a 0 sobre a poderosa Espanha, conquistada na noite do último domingo, no Maracanã, fez a seleção brasileira mostrar ao mundo que, de fato, jogará como uma das grandes favoritas ao título da Copa de 2014. E o técnico Luiz Felipe Scolari ressaltou que o título da Copa da Confederações fará os próximos rivais olharem para o Brasil de outra forma, diferentemente do que vinha acontecendo nas temporadas anteriores, na qual o País amargou um jejum de vitórias diante de grandes potências do futebol do planeta.

“Vão nos enfrentar nos próximos amistosos de forma diferente. Antes éramos vistos como um adversário que podiam atacar e tal. Agora vão respeitar mais o Brasil”, afirmou o comandante, em entrevista coletiva, na qual destacou o fato de que a seleção brasileira conseguiu orgulhar o seu povo com uma atuação incontestável diante dos espanhóis.

E o triunfo fez o treinador lembrar dos tempos em que teve sucesso dentro do Brasil dirigindo clubes pelos quais se sagrou campeão em solo nacional. “Me senti como se tivesse dirigindo o Criciúma, o Grêmio, o Palmeiras, as equipes que dirigi no Brasil, o CSA, equipes que me deram alegria. Me senti feliz pelo resultado, pelo que aquela equipe apresentava. A nossa equipe apresentou os anseios do povo brasileiro. Hoje (domingo) representamos o Brasil dignamente”, ressaltou.

O comportamento da torcida brasileira nesta Copa das Confederações, por sinal, foi festejado por Felipão. O técnico lembrou que a sinergia entre público e jogadores foi fundamental para que o time nacional desse o máximo dentro de campo e chegasse ao título da competição.

“Isso que a gente está vendo é muito bonito. Quando eles (torcedores) cantaram o hino, quando cantaram que o campeão voltou. Algumas pessoas podem achar que é bobagem, mas vocês viram nossos jogadores cantando? Eles estão motivados. Recebem motivação e querem dar mais. Assim que precisamos agir não só não futebol, mas na vida. Precisamos ser fortes em todos os sentidos, na vida. As coisas vão correndo para uma situação melhor, que espero que se concretize ano que vem, e também com todos os detalhes que vêm acontecendo e que possam acontecer melhor”, completou Scolari, já projetando o sucesso do Brasil na Copa de 2014.

Felipão ainda admitiu no último domingo que o gol evitado por David Luiz, que fez um corte de carrinho em cima da linha após chute de Pedro, foi fundamental para que o Brasil vencesse a Espanha. Naquele momento a seleção vencia por 1 a 0 e, após o feito do defensor, Neymar acabou garantindo o 2 a 0 para a equipe nacional no final do primeiro tempo.

“O momento do jogo da vitória foi o gol que o David Luiz salvou. Aquele momento, não foram os 2 a 0, os 3 a 0. (O momento mais difícil da) competição foram todos os jogos, fomos jogando, adversário a adversário. O jogo que menos eu fiquei contente foi o que nos levou à final. Contra o Uruguai o jogo era enrolado demais, esse foi o jogo que não saberia definir pra ti se foi ruim, se foi bom, mas todos os outros tiveram bons momentos”, analisou.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

2 Comentários em "‘Agora vão respeitar mais o Brasil’, aposta Felipão"


geovane mirol
geovane mirol
6 anos 16 dias atrás

SE ESSE BRASILZINHO CONSEGUIU SER CAMPEAO, IMAGINA SE MEU CORINGÃO REPRESENTACE O PAIS NE3SSES TORNEIOS, SERIA SO ALEGRIA BRASILEIRA. CHU PA TIMECOS DE CURITIBA QUE PERDEM PRA TAL DE CHAPECOENSE DA VIDAKKKKKKKKK

Gadiego Lopez
Gadiego Lopez
6 anos 16 dias atrás

Palavras de Felipão: me senti como se estivesse dirigindo o Criciuma, o Gremio, o Palmeiras. Equipes que me fizeram feliz. Não citou o coxa. Alguém aí sabia que o Felipão já foi técnico do coxa?

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas