enkontra.com
Fechar busca

Publicidade

Vila Izabel

Ensino especial

A Escola de Educação Básica Guilherme Canto Darin, mantida pela Associação Paranaense para o Desenvolvimento do Potencial Humano (APADEH), é a única opção para a maioria de seus 150 alunos com deficiência intelectual e múltipla. Na sede, que fica na Vila Izabel, eles passam 10 horas e 20 minutos diários realizando atividades pedagógicas, lúdicas e culturais, além de fazerem refeições. ‘Quase todas as famílias dos nossos estudantes ou são paupérrimas ou estão em situação de vulnerabilidade. Se eles ficarem sem escola, ficam sem comer, desassistidos‘, afirma a diretora pedagógica, Alessandra Mikilita, sobre a importância da instituição.

Foto: Felipe Rosa.

Há alunos de todas as idades e com diversas condições, como Síndrome de Asperger, Síndrome de Pierre Robin, Síndrome de Down e autismo. Foto: Felipe Rosa.

Há alunos de todas as idades e com diversas condições, como Síndrome de Asperger, Síndrome de Pierre Robin, Síndrome de Down e autismo. Na escola, eles são alfabetizados com um método especial e recebem escolarização básica até o 2º ano do ensino fundamental, de acordo com suas necessidades. ‘Respeitamos a temporalidade de cada um. Eles geralmente precisam de mais tempo para aprender, mais atenção individualizada e mais repetição para memorizar. São 8 a 12 alunos por turma, e os resultados se mostram muito efetivos‘, diz a professora Luciana Poniewas Katerberg.

Os alunos também participam de oficinas de culinária, jardinagem, expressão corporal, teatro, dança, artesanato e capoeira. A vida social dos estudantes é estimulada através de excursões a cinemas e teatros. A equipe da escola é formada por 60 profissionais e 10 voluntários.

Dificuldades financeiras

Foto: Felipe Rosa.

A escola precisa de dinheiro, mão de obra, material de limpeza e material de construção. Foto: Felipe Rosa.

Convênios com prefeitura e governo do Estado ajudam a manter a instituição, que enfrenta sérios problemas financeiros.  ‘Estamos passando por um momento difícil. O espaço é grande, precisamos de limpeza no terreno, estamos com as obras de ampliação paradas há um ano, o teto está caindo, tem cupim comendo as portas. Precisamos de dinheiro, mão de obra, material de limpeza, material de construção‘, diz a diretora.

Há mais de 200 pessoas na lista de espera da escola, que poderiam ser atendidas caso a reforma fosse finalizada. Atualmente, o problema de caixa afeta inclusive o pagamento dos funcionários. Para contribuir, procure a instituição presencialmente ou pelo telefone.

Serviço

Escola de Educação Básica Guilherme Canto Darin
Endereço: Rua Tamoios, 1385 – Vila Izabel
Telefone: (41) 3345-6557.

Leia mais sobre Vila Izabel

Sobre o autor

Luisa Nucada

Luisa Nucada

Luisa Nucada é jornalista formada pela UFSC.

Deixe um comentário

avatar

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz
(41) 9683-9504