Publicidade

Capão Raso Pinheirinho

Paz abalada

Bandidos têm perturbado a paz de moradores dos bairros Capão Raso e Pinheirinho, em Curitiba. Armados, os assaltantes não têm hora para agir e a população se sente cada vez mais vulnerável. Um vídeo divulgado na página do Conselho de Segurança (Conseg) do Capão Raso mostra o momento no qual dois assaltantes, de bicicleta, abordam uma pedestre que circula na rua Joaquim Simões, quase esquina com a 31 de março. Os bandidos levam seus pertences, e fogem em seguida. De acordo com o presidente do Conseg do Capão Raso, Antonio Carlos Pontes Coelho, o caso é só mais um entre as diversas ocorrências registradas na região.

De acordo com Antonio, os criminosos escolhem locais estratégicos para praticar roubos e furtos, como a saída de escolas e pontos de ônibus. Já a escolha das vítimas não tem critério. “Homens, idosos, jovens, mulheres desacompanhadas. Qualquer um é vítima em potencial”, afirmou à Tribuna do Paraná. De acordo com a presidência do Conselho, os assaltos têm sido tão frequentes, que nem mesmo a presença das viaturas do 13° Batalhão da Polícia Militar pelas ruas do bairro, tem intimidado os bandidos.

Diante da falta de segurança, moradores têm se organizado para prevenir crimes e alertar a vizinhança sobre qualquer atitude suspeita. Uma saída foi a criação de grupos – no aplicativo Whatsapp – nos quais os moradores trocam informações sobre a movimentação no bairro e alertam a respeito de ações potencialmente criminosas. “A colaboração dos moradores tem sido efetiva, porém mesmo assim estamos vulneráveis”, afirma Antonio.

O Conseg solicita apoio da população no reconhecimento dos criminosos mostrados no vídeo. Denúncias podem ser feitas pelos números 190 e 181 (denúncia anônima).

 

Sobre o autor

Maria Luiza Piccoli

Maria Luiza Piccoli

(41) 9683-9504