Fala guris e gurias de plantão. Advinha quem está de volta? Eu mesmo, o estagiário de Darta para trazer alegria nessa quarentena. E falando em quarentena, parece que nem tudo é tristeza. Já vimos aqui mesmo na Tribuna, pessoas ajudando e sendo ajudada nesta pandemia. E isso é muito legal! Por isso, hoje vou contar essa história pra vocês que está fazendo mó sucessão.

Eu sei que você está se perguntando que papo é esse de show de Cloro & Kina Explico! Bem aqui, na nossa Curitiba, dois educadores sociais encontraram uma maneira bem massa para trazer mais alegria aos idosos durante esse tempo de Coronavírus. Sandra Regina Ribeiro Freitas e Ademir Aguiar, do Centro de Atividades para Idosos (Cati) Boa Vista são sucesso garantido quando se transformam na dupla Cloro & Kina. Eles se apresentam todas as terças-feiras e gravam vídeos para depois serem enviados pelo whatsapp para os usuários da unidade.

Para alegrar essa galera da terceira idade, eles fazem paródias com músicas conhecidas, além de levar mensagens educativas, como ressaltar a importância de usar máscara e álcool gel, lembrando da importância de manter o distanciamento e se for para sair de casa, só em situações de emergências.

Em maio, Cloro & Kina, gravaram o primeiro vídeo vestidos de palhaço e boneca Emília. Com um violão, cantando e dançando, eles falaram da necessidade de se proteger do novo Coronavírus e de poder rever os amigos quando tudo isso acabar. Na última semana, eles fizeram um clipe usando fotos dos idosos em várias atividades realizadas desde dezembro de 2018 até o fim do ano passado.

Vocês pensaram que acabou? A dupla ganhou mais uma integrante, a Hidroxi, que será interpretada pela educadora social Daniele Túlio, do Centro de Referência da Assistência Social (Cras) Pilarzinho. Os vídeos feito por eles, tem como objetivo animar os idosos e mostrar a eles que mesmo longe das atividades do Cati, eles não estão sozinhos. De acordo com a dupla, os vídeos fizeram um sucessão, tanto que os idosos enviam mensagens no grupo do whatsapp pedindo a próxima brincadeira, e até gravam o próprio vídeo do que fazem durante a quarentena e divulgam no grupo.

O Cati Boa Vista atende 256 pessoas idosas, mas pouco mais de 80 delas estão no grupo de whatsapp. Durante esse período de pandemia, a tecnologia tem sido uma grande aliada para matar a saudade dos amigos e da família. Pelo jeito ninguém segura essa galera animada, não é mesmo?

Até o Darta já tá pensando em fazer parte do grupo… (risos)