Sábado é o dia de comemorar um dos maiores gêneros da música. Criado na década de 50, o rock é comemorado mundialmente no dia 13 de julho. Mas você sabe o porquê da escolha do dia?

A data faz referência ao Live Aid, evento que aconteceu no dia 13 de julho de 1985. O festival ficou famoso por trazer diversas bandas de rock em luta contra a pobreza e a fome na Etiópia. Os shows foram transmitidos ao vivo em diversos países.

LEIA TAMBÉM: Diretoras são banidas do Twitter após divulgarem imagens de novo filme de terror, assista ao trailer

Quem propôs que o dia 13 de julho fosse lembrado como o Dia Mundial do Rock foi o cantor Phill Collins.

E, para comemorar a data em grande estilo, o blog Não é Spoiler separou alguns filmes disponíveis na Netflix para os amantes do gênero apreciarem neste fim de semana.

VEJA TAMBÉM: Warner quer brigar com Netflix e anuncia seu serviço de streaming com a HBO

Barão Vermelho: Por que a gente é assim?

Lançado em 2017, o filme faz um panorama de uma das maiores bandas do rock nacional, Barão Vermelho.

Foo Fighters: Back and Forth

O documentário mostra os 16 anos de Foo Fighters. O filme traz imagens raras do início da banda, além de momentos históricos, como a vitória no Grammy e os shows esgotados.

Janis: Little Girl Blue

Narrado por Cat Power, o filme conta com performance de Janis Joplin, entrevistas de amigos e familiares, além de filmagens da cantora entre os anos 60 e 70.

Metallica: Some Kind of Monster

O documentário mostra a banda se preparando para gravar seu novo álbum em 2001. Na época, a banda passava por momentos complicados com a saída do baixista Jason Newsted e a desavença entre o vocalista James Hetfield e o baterista Lars Ulrich.

Sepultura: Endurance

O filme mostra a trajetória da banda de heavy metal ao longo de seus 30 anos de história. O documentário revela os momentos mais íntimos dos integrantes, o processo criativo das músicas, gravações de álbuns e bastidores de shows.