Quem não desejaria emagrecer rápido sem precisar levantar do sofá ou mudar a rotina alimentar? O caminho fácil é tão tentador que muitas pessoas utilizam remédios para emagrecer de forma rápida. A procura desses remédios é preferível por aqueles que querem emagrecer sem mudar o comportamento alimentar e nem precisar fazer exercícios físicos. Mas, será que isso é funciona?

Para sanar essa dúvida uma meta-análise feita pela Universidade do Texas e publicada em 2019 com o título de “Efeitos da intervenção de exercício e farmacológicos na gordura visceral”, procurou saber o que é mais eficiente para emagrecer: exercício físico ou remédios.

LEIA MAIS: Por que você vai engordar neste verão?

Sem nenhuma surpresa esse estudo mostrou que a melhor forma de eliminar gordura é através do exercício físico ou seja, treinar é mais eficiente que o uso de farmacológicos. E a melhor forma de emagrecer é através da mudança de estilo de vida, isso envolvendo exercício e alimentação saudável.

Então se você quer emagrecer e está procurando uma fórmula mágica que te faça atingir o seu corpo dos sonhos sem se levantar da cadeira, saiba que não existe. Qualquer método ou remédio que te proponha emagrecimento sem atividade física não trará os melhores benefícios a você. Mesmo que inicialmente você emagreça, logo após a suspensão do remédio você voltará a recuperar todo o peso novamente. Isso ocorre porque o emagrecimento se dá através do balanço calórico negativo, e após a suspensão do remédio você ainda terá os mesmos hábitos, voltará a consumir mais calorias que gasta.

CONFIRA TAMBÉM: Existe gordo saudável?

Se você quer um remédio para emagrecer, o exercício é a melhor maneira para te fazer se sentir mais saudável. A forma mais eficaz é mudando gradualmente seus hábitos a fim de adquirir um estilo de vida mais saudável. Comece pela alimentação, mudando apenas uma refeição de cada vez, encontre exercícios eficazes e que você goste, para que assim ao mudar o seu estilo de vida o emagrecimento seja consequência dessas ações.