Você conhece mulheres que, ao entrarem na menopausa, apresentaram tendência a engordar mais ou a ter mais dificuldade para emagrecer?

A menopausa é um período após os 12 meses desde a última menstruação da mulher e costuma surgir, em sua maioria, por volta dos 50 anos. Seus sintomas mais comuns são as ondas de calor corporal, as palpitações, a diminuição da secreção vaginal, mais vontade de urinar, diminuição da libido, insônia, ganho de peso e gordura abdominal, além dos sintomas psicológicos como depressão, ansiedade, irritabilidade, variação de humor e falta de concentração.

Diante de tantos sintomas é normal que a qualidade de vida seja afetada quando a mulher passa por esse período. Fisiologicamente a menopausa ocorre pela diminuição da produção dos hormônios femininos responsáveis por manter a mulher fértil, em especial o estrogênio. Este hormônio é responsável por formar algumas características femininas, como o maior acumulo de gordura nos membros inferiores dando a mulher o formato violão e também o crescimento das mamas e a calcificação óssea na puberdade.

Quando há a redução na produção do estrogênio ocorre a desaceleração no metabolismo ocasionando o maior acumulo de gordura principalmente na região abdominal, junto desse fenômeno há ainda o aumento do apetite e a diminuição dos receptores de leptina (hormônio da saciedade), assim a mulher passa a comer em maiores quantidades, se sentir menos saciada e adquirir mais peso.

Com tantas mudanças físicas e psicológicas é normal a mulher se sentir angustiada. É uma fase difícil e muitas mulheres se entregam a esse período sem muita alternativa do que fazer para reduzir esses sintomas.

Muito amor próprio e empatia auxiliarão nessa fase, mas o que as mulheres talvez não saibam é que os exercícios físicos podem ajudar muito com os sintomas da menopausa. Principalmente os exercícios que promovam o aumento na velocidade do metabolismo e o ganho de massa muscular. O que as mulheres devem executar são exercícios de alta intensidade (HIIT), pois estes foram cientificamente comprovados como os melhores exercícios para acelerar o metabolismo e a perder peso. Atrelado a esse trabalho a musculação ajudará o corpo a não perder a massa magra (músculos). Ambas ações são muito importantes para a manutenção da saúde e especialmente para combater com eficiência as consequências da menopausa.

Na próxima semana o tema será: “Você está com fome ou desejo de comer?”

Um abração e ate a próxima quarta-feira.

https://www.tribunapr.com.br/saude-e-bem-estar/reposicao-hormonal-e-indicada-pra-amenizar-incomodos-da-menopausa/